O secretário-geral do Partido Comunista Português (PCP), Jerónimo de Sousa, disse que o partido vai bater-se para que os manuais escolares em todo o 1.º ciclo sejam gratuitos já no ano letivo 2017/2018.

“Estamos a apostar no futuro. Estamos a apostar nas nossas crianças, na sua evolução, na sua aprendizagem”, sustentou o líder comunista, que falava numa sessão pública dedicada à gratuitidade dos manuais escolares e realizada esta tarde no Seixal.

O PCP, insistiu o seu secretário-geral, “continuará a bater-se pela progressiva gratuitidade dos manuais”, depois de este ano ter conseguido que o parlamento aprovasse uma proposta para manuais escolares gratuitos para os alunos do 1.º ano do 1.º ciclo.

De acordo com as contas comunistas, o alargar da gratuitidade dos manuais a todo o primeiro ciclo incorpora um custo de 14 milhões de euros.