Rota das Estrelas

De 7 a 9 de outubro. Largo do Paço, Casa da Calçada Relais & Chateaux (Largo do Paço, 6, Amarante) e Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso (Alameda Teixeira de Pascoaes, Amarante)

O que vai acontecer: É a penúltima paragem da edição deste ano do festival Rota das Estrelas, que o Observador antecipou aqui. Resumidamente, o festival promove encontros periódicos entre vários chefs, boa parte deles distinguidos com estrelas Michelin, que preparam, em cada ocasião, menus degustação em conjunto, que têm em conta os produtos da região que os acolhe.

Quem vai participar: O anfitrião André Silva, chef do Largo do Paço (uma estrela Michelin), vai receber na sua cozinha Miguel Laffan (do L’AND, em Montemor), Rui Silvestre (do Bon Bon, no Carvoeiro, uma estrela Michelin), Pedro Lemos (do Pedro Lemos, no Porto, uma estrela Michelin), João Rodrigues (do Feitoria, em Lisboa, uma estrela Michelin), Vitor Sobral (da Tasca da Esquina e sucedâneos, em Lisboa, São Paulo e Luanda) e Ana Moura (do Cave 23, em Lisboa).

29644297630_911d7e5a5a_k

Um dos jantares da Rota das Estrelas, no dia 8 de outubro, vai ser inspirado na obra de Amadeo de Souza-Cardoso. (foto: © Divulgação / Rota das Estrelas)

O que se vai comer e beber: Esperam-se criações de alta cozinha que valorizem alguns dos produtos e sabores da região, como, aliás, é hábito na Rota das Estrelas. O jantar de dia 8 vai ter como tema a obra de Amadeo de Souza-Cardoso — acontece no museu municipal dedicado ao pintor — e cada um dos chefs vai inspirar a sua criação num quadro do modernista natural de Amarante.

Preços e reservas: Cada jantar custa 145€ por pessoa, com bebidas incluídas. As reservas devem ser feitas pelo 255 410 830 ou pelo email book@largodopaco.com.

Mar Adentro

14 e 15 de outubro. Vista Restaurante, Bela Vista Hotel & Spa (Praia da Rocha, Portimão)

O que vai acontecer: Tal como se pode navegar ao sabor do vento, aqui vai comer-se ao sabor do mar. Porque vai ser o mar, e o que dele vier, a definir a matéria-prima à disposição de alguns dos melhores chefs a trabalhar em Portugal, reunidos, pelo segundo ano consecutivo, na cozinha do Vista Restaurante. A restrição tem uma razão nobre de ser: alertar para a sustentabilidade e para a necessidade, cada vez maior, de se trabalhar apenas com o peixe disponível em determinada época, seja este mais ou menos nobre.

Quem vai participar: Os chefs que aceitaram o desafio da Amuse Bouche (que também organiza, por exemplo, o Sangue na Guelra) vão dividir-se por dois jantares. No dia 14 estarão na cozinha Alexandre Silva (do LOCO, em Lisboa), Rui Silvestre (do Bon Bon no Carvoeiro, com uma estrela Michelin), João Rodrigues (do Feitoria, em Lisboa, uma estrela Michelin), e Arnaldo Azevedo (do Palco, no Porto). No dia 15 será a vez de entrarem em ação Miguel Rocha Vieira (Fortaleza do Guincho, em Cascais, uma estrela Michelin), Leonel Pereira (do São Gabriel, em Almancil, uma estrela Michelin), e Carlos Fernandes (chefe de pastelaria do LOCO). Em ambos os jantares estará presente o anfitrião João Oliveira, do Vista.

_MG_0632 copy

Tal como aconteceu em 2015, João Oliveira (terceiro a contar da direita) volta a receber alguns dos melhores chefs nacionais no Vista. (foto: © Paulo Barata / Amuse Bouche)

O que se vai comer e beber: Só no dia anterior ao evento é que os chefs saberão qual os peixes à sua disposição. A ideia é que criem algo a partir do zero, cozinhando de forma espontânea. Será Pedro Bastos, da Nutrifresco, o responsável por fazer a ponte entre o oceano e a cozinha. Já no que às bebidas diz respeito: o primeiro jantar será acompanhado de champanhe Henri Giraud, e o segundo de vinhos biológicos nacionais e internacionais. Os sommeliers de serviço serão Miguel Martins, residente do Vista, e António Lopes, do Hotel Conrad Algarve.

Preços e reservas: Cada jantar custa 150€ por pessoa, com água, vinhos e café incluídos. As reservas devem ser feitas pelo 282 460 280 ou através do email restaurante@hotel-belavista.com.

Gourmet Culinary Extravaganza

De 29 a 31 de outubro. Hotel Conrad Algarve (Quinta do Lago, Almancil)

O que vai acontecer: A extravagância culinária sugerida pelo nome do festival resultará do encontro, no Conrad Algarve, de um lote de chefs que até podia, caso lhes apetecesse, formar uma equipa de futebol. Isto porque são 11, ao todo, e somam entre si 19 estrelas Michelin. Juntos vão preparar cinco eventos diferentes — dois jantares, um almoço, um brunch e uma festa de garagem (mas não será uma festa ou uma garagem qualquer) –, com propostas adequadas a cada ocasião.

Quem vai participar: Mais uma vez, há um chef anfitrião, neste caso Heinz Beck, o responsável pelo Gusto, o restaurante de fine dining do hotel. A Beck, que tem três estrelas Michelin noutro dos restaurantes em que assina a ementa (o La Pergola, em Roma), vão juntar-se José Avillez (Belcanto, em Lisboa, duas estrelas Michelin), Jacob-Jan Boerma (De Leest, em Vaassen, na Holanda, três estrelas Michelin), Kevin Fehling (The Table, em Hamburgo, três estrelas Michelin), Claude Bosi (Hibiscus, em Londres, duas estrelas Michelin), Sidney Schutte (Waldorf Astoria Amsterdam, duas estrelas Michelin), Paolo Casagrande (Lasarte, em Barcelona, duas estrelas Michelin), Roel Lintermans (Waldorf Astoria Berlin, uma estrela Michelin), o pasteleiro Eddie Benghanem (Waldorf Astoria Trianon Palace, em Versalhes, uma estrela Michelin), Joe Barza (Conrad Cairo) e Matt Tebutt (Hilton Bournemouth).

43desire_barza

O chef libanês Joe Barza vai preparar um brunch/churrasco com comida típica do seu país. (foto: © Divulgação)

O que se vai comer e beber: Cada evento — são cinco, ao todo — tem um conceito próprio. Além dos jantares de alta cozinha, conta-se, por exemplo, um barbecue brunch à base de comida libanesa, cortesia de Joe Barza, um dos chefs mais conhecidos do Médio Oriente ou um almoço à base de cozinha italiana, preparado pela equipa residente (italiana, na sua maioria) do Gusto. Vai ser, garantem, uma pasta party. As refeições serão acompanhadas por vinhos portugueses liderado por uma equipa de escanções de alguns dos melhores restaurantes do país, liderados pelo residente António Lopes.

Preços e reservas: Os preços variam entre 95€ e 195€, dependendo do evento. As reservas podem ser feitas através do 289 350 700 ou do email experiences.algarve@conradhotels.com. Os bilhetes também podem ser adquiridos no site Blue Ticket.

Jantar do Ano

12 de novembro. Convento do Beato (Rua do Beato, 48, Lisboa)

O que vai acontecer: É a segunda edição de um evento promovido pela Let’s Help, empresa que se descreve como uma plataforma de investimento em negócios sociais. Mas atenção: não se trata apenas de um jantar per se, antes de uma festa em regime tudo incluído, das 19h30 às 04h, com direito a cocktail de boas vindas e pista de dança pós-refeição.

Quem vai participar: Tal como aconteceu em 2015, quatro dos mais conhecidos chefs portugueses vão dar a cara pelo que será servido ao jantar. Luís Sobral (Tasca da Esquina e Peixaria da Esquina), Kiko Martins (A Cevicheria e O Talho), Luís Barradas (Quinta do Tagus Village) e Justa Nobre (O Nobre). Cada um terá a sua própria estação de cozinha e os presentes podem assistir à confeção dos pratos ao vivo. Ou, pelo menos, ao seu empratamento.

4 fotos

O que se vai comer e beber: Os chefs foram, ao que consta, inspirados pelas suas próprias paixões na criação do menu que será servido no dia 12. Assim, Kiko Martins, que gosta de maratonas e trilhos, servirá um ceviche de salmão da Noruega com tapioca, espuma de iogurte fumado, cajú e leche de tigre com maracujá. O motard Luís Barradas, inspirou-se no universo das duas rodas para criar uma massa ramen de atum dos Açores, com algas do Sado e muxama do Algarve. Vítor Sobral, que se deixa levar por um bom livro, vai apresentar lombo de bacalhau da Noruega com creme de mandioca, côco, dendém e tomate assado. De Justa Nobre pode esperar-se uma coxa de pato com especiarias, redução de cerveja e quinoa com vegetais. A sua inspiração? As flores. Os vinhos e cervejas serão fornecidos por dois dos patrocinadores do evento, a Adega Mayor e a Sagres Bohemia.

Preços e reservas: Os preços variam entre 35€ e 45€ por pessoa, dependendo da localização e da tipologia da mesa e podem ser adquiridos através do site do evento.