A Microsoft avançou que, a partir de dia 11 de abril, o sistema operativo Windows Vista vai deixar de receber novas atualizações de segurança, correções não relacionadas com segurança, opções de suporte assistido gratuitas ou pagas ou atualizações de conteúdo técnico online da Microsoft.

Durante dez anos, a Microsoft forneceu todo o suporte possível para o Windows Vista mas agora planeia investir os recursos em tecnologias mais recentes, abandonando assim um sistema que continua a ser utilizado por menos de 1% do mercado.

Não existe qualquer problema em continuar a utilizar o sistema operativo em questão, desde que redobre os cuidados quando estiver ligado à internet. Sem suporte por parte da Microsoft, o Windows Vista passa a ser mais vulnerável a ataques por parte de terceiros. Além disso, é provável que muitos dispositivos mais recentes comecem a deixar de ser compatíveis com esta versão do sistema operativo.

A Microsoft também deixou de fornecer o Microsoft Security Essentials para transferência no Windows Vista. Se já o tiver instalado vai continuar a receber atualizações de assinatura de antimalware durante um período de tempo limitado, mas a proteção não será tão eficaz devido aos componentes extra em falta.