A prioridade número um da Google é proteger os dados da empresa e, para isso, é necessário que as ferramentas utilizadas diariamente estejam seguras. Os clientes com contas Gmail recebem agora um reforço na segurança dos serviços, que vai garantir uma maior proteção dos dados, incluindo a deteção precoce de phishing utilizando o machine learning, avisos para ligações maliciosas, avisos para respostas não intencionais a domínios externos e novas linhas de defesa face a todas estas ameaças.

O machine learning utilizado pela Google é capaz de bloquear mensagens indesejadas (spam) ou de phishing com uma precisão de 99,9%, segundo o comunicado enviado pela empresa. Atualmente entre 50% e 70% das mensagens recebidas no Gmail são consideradas como indesejadas.

A fim de melhorar os seus serviços de proteção de dados, o novo método de funcionamento do machine learning irá atrasar (muito pouco) as mensagens de forma a conseguir fazer a análise antes de chegar ao utilizador de forma a identificar que tipo de correio se trata antes deste ser entregue. Desta forma os dados dos utilizadores ficam mais protegidos de eventuais esquemas fraudulentos ou maliciosos.

Também a identificação de URL suspeitos foi melhorada de forma a analisar mais rapidamente se o site que o utilizador está a abrir é considerado perigoso. Os mecanismos de aprendizagem reconhecem então padrões semelhantes entre diversos sites potencialmente perigosos adaptando-se mais rapidamente que os sistemas manuais.

Tratando-se de uma empresa, foram incluídos avisos de segurança para evitar respostas não intencionais a domínios externos. Sempre que o utilizador estiver a responder a alguém que seja de fora do domínio da empresa, receberá um aviso para confirmar que deseja enviar o email. Estes alertas são controlados e o sistema monitoriza e avalia se é um contacto novo, com o qual nunca interagiu, ou se se trata de um contacto recorrente, evitando assim receber avisos em excesso.

Foram ainda incluídas novas medidas de defesa contra ataques por ransomware e malware assim como melhoraram os mecanismos de encriptação de emails para proteger os utilizadores e as empresas.