Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Todos passamos pelo mesmo problema: em algumas zonas das nossas casas, não temos Internet. E nem sequer podemos reclamar com a operadora. O router está muito longe, muito escondido ou enfrenta muitas paredes até chegar ao dispositivo.

Por isso, começaram a aparecer truques. Algumas pessoas cortavam copos de plástico ao meio e colocavam-nos atrás das antenas para, segundo o que diziam, direcionar o sinal. Mas uma das soluções mais utilizadas – ainda que não tivesse qualquer confirmação científica – era pôr alumínio nas antenas para que, supostamente, funcionasse como amplificador. Mas a dúvida persistia: será que resultava mesmo?

A resposta chegou agora. O El Español conta que uma equipa de investigadores da Universidade de Dartmouth confirmou que o alumínio aumenta as ondas wi-fi; mas não da maneira que pensávamos. Os investigadores perceberam que o alumínio não serve como amplificador mas é eficaz a direcionar o sinal. Ou seja, é possível utilizar este material para refletir as ondas sem fios e dirigi-las para onde quisermos. A potência do sinal é exatamente a mesma – a única diferença é que estamos a apontá-lo diretamente para o sítio onde estamos.

Os cientistas demonstraram as suas conclusões com uma peça impressa em 3D, forrada a toda a volta com papel de alumínio. Além de direcionar o sinal para as zonas da casa que dão mais jeito, esta peça pode retirar intensidade de rede wifi em sítios mais perto da rua, aumentando a segurança.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Ainda que não seja tão simples como envolver as antenas do router em alumínio, o material pode mesmo ajudar a melhorar a Internet dentro de casa. A equipa de investigadores criou um programa chamado WiPrint para fazer e imprimir a peça necessária, mas indica que um bocado de cartão forrado de alumínio tem exatamente o mesmo efeito.