Atletismo

Benfiquista Pedro Pichardo autorizado a representar Portugal

Pedro Pablo Pichardo, que adquiriu a nacionalidade portuguesa no ano passado e é o recordista luso do triplo salto, poderá representar Portugal nos Campeonatos do Mundo de 2019, no Qatar.

JOSÉ COELHO/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

Pedro Pablo Pichardo, que adquiriu a nacionalidade portuguesa no ano passado e é o recordista luso do triplo salto, poderá representar Portugal nos Campeonatos do Mundo de 2019, no Qatar.

O desfecho do processo de mudança de nacionalidade do atleta do Benfica, à luz dos novos regulamentos, foi comunicado esta quarta-feira pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) à Federação Portuguesa de Atletismo. Assim, o atleta Pedro Pablo Pichardo, que adquiriu a nacionalidade portuguesa a 20 de novembro 2017, é elegível para representar Portugal a partir do dia 01 de agosto de 2019.

Desta forma Pichardo ainda não poderá competir nos Europeus de pista coberta de 2019, que se realizam em Glasgow, na Escócia, mas poderá, caso seja selecionado, fazê-lo no Campeonato da Europa de seleções, que se realizará entre 09 e 11 de agosto (ainda sem atribuição de local por parte da Associação Europeia de Atletismo) e também no Mundial de 2019, que tem lugar de 28 de setembro a 06 de outubro, em Doha no Qatar.

Pedro Pichardo, que recentemente venceu a Liga Diamante, de acordo com o regulamento publicado no início da época, por via desse triunfo, tem já a qualificação assegurada para o Mundial. Recorde-se que o benfiquista, nascido em Cuba a 30 de junho de 1993 (25 anos), é o atual líder do ranking mundial do triplo salto, com 17,95 metros, obtido em Doha, no Qatar, marca que figura também como recorde de Portugal da disciplina.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Governo

Cogitações sobre a remodelação /premium

Maria João Marques

Costa promoveu pessoas com pouquíssima experiência profissional fora da vida política. É dos piores indicadores para qualquer político. Viver sempre na bolha dos partidos é péssimo cartão de visita.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)