O Facebook contratou o ex-vice-primeiro-ministro britânico Nick Clegg para assumir a pasta dos assuntos globais e comunicação, trazendo assim uma pessoa com um perfil político numa altura em que aquela rede social tem sido veículo de várias campanhas de desinformação em contexto eleitoral, como nos EUA e no Brasil.

A notícia foi avançada pelo Financial Times, que acrescenta que Nick Clegg, que foi vice-primeiro-ministro no primeiro mandato de David Cameron como primeiro-ministro, entre 2010 e 2015, se ai mudar para Silicon Valley em janeiro. O cargo que Nick Clegg vai agora assumir foi até agora ocupado por Elliot Schrage, funcionário do Facebook há 10 anos.

O Facebook estreou o seu novo centro de controlo de notícias falsas — também conhecido como War Room — durante a primeira volta das eleições brasileiras, a 7 de outubro. A equipa em questão conta com 20 a 30 pessoas, que por sua vez coordenam milhares de trabalhadores em todo o mundo.

Facebook estreou centro de controlo de notícias falsas nas eleições brasileiras