Cabo Verde

Seleções de sub-19 e sub-20 de Cabo Verde e Portugal defrontam-se em particulares

As seleções de sub-19 dos dois países vão realizar dois jogos particulares, o primeiro a 28 de janeiro e o segundo a 30 deste mês, ambos no Estádio Municipal de Ponta de Sor, com início às 15h.

No dia 30, haverá outro jogo, entre as seleções de sub-20 de Portugal e Cabo Verde, na Covilhã, com início marcado para às 17h

FILIP SINGER/EPA

As seleções de sub-19 e sub-20 de Cabo Verde e Portugal vão disputar três jogos particulares, a 28 e 30 de janeiro, em solo português, para a observação de jogadores cabo-verdianos, anunciou esta sexta-feira a Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF).

Segundo a federação cabo-verdiana, as seleções de sub-19 dos dois países vão realizar dois jogos, o primeiro em 28 de janeiro e o segundo dois dias depois, em 30, ambos no Estádio Municipal de Ponta de Sor, com início às 15h00.

No dia 30, haverá outro jogo, entre as seleções de sub-20 de Portugal e Cabo Verde, na Covilhã, com início marcado para às 17h00.

O órgão que rege o futebol cabo-verdiano informou que os jogos com Portugal vêm na sequência de um protocolo assinado em novembro pelas duas federações, que abrange as áreas de formação, intercâmbio desportivo, apoio jurídico, entre outros.

Com aquelas partidas, a FCF pretende observar jovens jogadores que, no futuro, podem estar disponíveis para representar a seleção principal de Cabo Verde.

As seleções jovens cabo-verdianas serão orientadas por Lito Aguiar, José ‘Piki’ Fermino, Pedro Figueiredo e Jorge ‘Djodje’ Conceição, elementos que fazem parte da equipa técnica da seleção principal, dirigida por Rui Águas.

A FCF informou que nos próximos dias serão divulgados os nomes dos jogadores convocados para os três jogos, sublinhando que haverá atletas de quase toda a diáspora.

“O que demonstra o trabalho que vem sido efetuado pelo staff técnico da FCF e pelo departamento de ‘scouting’, que tem observado jogadores nas ilhas e na diáspora”, enfatizou a federação.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)