Moçambique

Moçambique. Papa nomeia missionário português como bispo em Tete

1.024

O papa Francisco nomeou Diamantino Guapo Antunes como bispo da diocese moçambicana de Tete. Este é o primeiro missionário português do Instituto Missionário Consolata a ser eleito bispo.

A informação foi divulgada esta sexta-feira pela Sala de Imprensa do Vaticano

ANDREAS SOLARO / POOL/EPA

O papa Francisco nomeou, como bispo da diocese moçambicana de Tete, Diamantino Guapo Antunes, que era até agora Superior Regional do Instituto Missionário da Consolata em Moçambique e em Angola, de acordo com informação divulgada esta sexta-feira pela Sala de Imprensa do Vaticano.

Diamantino Guapo Antunes, 53 anos, é natural de Albergaria dos Doze, em Leiria. Estudou filosofia na Universidade Católica e é doutorado em Teologia Dogmática pela Univerisade Gregoriana, em Roma.

Começou a fazer trabalho pastoral em Moçambique na zona de Maúa, no norte de Moçambique.

Foi ordenado diácono em Cuamba no final de 1993 e recebeu a ordenação sacerdotal em Fátima, Portugal, no ano seguinte.

Segundo a Fátima Missionária, órgão de comunicação social do Instituto Missionário Consolata, este é o primeiro missionário português da organização a ser eleito bispo. “Em união com o Santo Padre Francisco, com os eminentíssimos cardeais e os reverendíssimos arcebispos e bispos da Conferência Episcopal de Moçambique, com os religiosos do Instituto Missionário da Consolata e com os queridos fiéis da diocese de Tete, unidos em oração, invocamos bençãos copiosas do Céu sobre Dom Diamantino no início deste seu novo ministério na Igreja de Deus”, referiu a Nunciatura do Vaticano em Maputo, citado pela Fátima Missionária.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Paris

A janela de Victor Hugo /premium

Paulo Tunhas

Notre-Dame é algo perfeitamente identificável por toda a gente. Dito de outra forma: num indivíduo que todos conhecemos. E o fogo confrontou-nos com a possibilidade de assistir em directo à sua morte.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)