Um sismo de magnitude 7,1 na escala de Richter abalou este domingo a Indonésia. O alerta de tsunami emitido pouco de pois foi entretanto cancelado. O sismo teve origem no mar, a dez quilómetros de profundidade, com epicentro na zona este do arquipélago indonésio, junto a Sulawesi, no mar das Molucas. Foi sentido às 16h08 de Portugal Continental, mais seis horas em Jacarta.

Esta região está habituada a fenómenos como este por se incluir no chamado Anel de Fogo do Pacífico — uma região de grande interação entre placas tectónicas que provoca a acumulação de energia nas rochas e muita atividade vulcânica. Quando libertada, essa energia dá origem a terramotos com magnitude considerável e, por vezes, tão elevada quanto a que desencadeou o trágico tsunami no Natal de 2004.

Ainda no mês passado, a Indonésia registou um sismo de magnitude 7,3 na escala de Richter que foi sentido na Austrália e em Timor-Leste. Esse abalo teve origem no mar de Banda, a 208 quilómetros de profundidade. No entanto, depois deste abalo, as autoridades não emitiram qualquer alerta de tsunami.