A goleada foi por 5-0 mas Bruno Lage deixou logo claro na flash interview que o resultado não foi o mais importante. Para o técnico, mostrar o trabalho das “últimas cinco semanas” era o objetivo e isso foi cumprindo, afirmou. Já na conferência de imprensa, a vitória foi dedicada aos adeptos e a pré-temporada que, diz, já lá vai: “Termina agora esta primeira fase e começa agora uma longa época”.

“Quando perdemos não somos os piores e não é por termos ganho a Supertaça que vamos ser o que quer que seja. Não deixamos de ser os mesmos”, começou por dizer o treinador de 43 anos.

O Sporting “surpreendeu” com uma linha de três centrais mas Bruno Lage confessa que já o previa. “Ninguém é mais esperto que os outros”, começou por comentar. “Deixou-me sempre curioso o facto de o Sporting nunca ter experimentado essa linha de três”, acrescentou. Na sala de imprensa, o treinador explicou também a tática que usou para contrariar essa defesa: “Preparámos isso da melhor maneira. Trocámos a pressão com os pontas-de-lança. Tentámos obrigar o Sporting a jogar por fora e controlar o espaço entre linhas, onde o Sporting é muito forte com Wendel e Bruno Fernandes”, descreveu Lage.

Igual a si próprio, o treinador que assumiu a equipa do Benfica em janeiro falou de futebol e afirmou que os primeiros 30 minutos foram dos seus jogadores: “Pressionámos muito, mudámos a forma de jogar para surpreender o Sporting e as coisas correram muito bem”. Os golos, confessa, também ajudaram.

Tão importante é vencer este troféu de inicio da época como é importante para nós verificarmos aquilo que tínhamos prometido: uma entrada forte na época e aproximar a equipa em termos coletivos, na forma e intensidade de jogar. Estamos plenamente satisfeitos. Termina agora esta primeira fase e começa agora uma longa época”, comentou o setubalense na conferência de imprensa.

Sobre o mercado, Bruno Lage deixou claro que as entradas ou saídas não dependem só de si e afirmou que nunca vai “condicionar qualquer saída ou entrada”. Formação? O plano está definido, adianta: “Se precisarmos de algum reforço, vamos olhar primeiro para dentro e só depois para fora”, afirmou.

Depois da conquista da International Champions Cup, o Benfica junta agora ao palmarés a Supertaça Cândido Oliveira, igualando mesmo o número de troféus conquistados pelo Sporting: oito.