O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou este sábado que “o melhor é não dizer nada” durante o período de campanha eleitoral, porque “mesmo não dizendo nada, tudo dirão” sobre o que chefe de Estado diz.

“Nestes tempos de campanha eleitoral o melhor é não dizer nada, mesmo não dizendo nada, dirão tudo sobre o que eu digo”, vincou Marcelo Rebelo de Sousa, durante a sessão de encerramento de um colóquio dedicado à vida literária de António Lobo Antunes, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa.

O Presidente da República fez este reparo imediatamente depois de ter referido que o escritor “é um daqueles casos de acesso imediato à eternidade por mérito próprio”. “A genialidade abre uma via, uma via verde, ou melhor, eu não digo a cor para não ser mal interpretado”, explicitou.