O Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) anunciou esta sexta-feira que o pedido de vistos em formato eletrónico já é possível no Portal das Comunidades e no Portal dos Vistos, estando para breve o pagamento eletrónico da taxa administrativa.

Entrou esta semana em funcionamento o e-VISA, a nova plataforma do Ministério dos Negócios Estrangeiros destinada a simplificar os procedimentos relativos aos pedidos de visto; com a introdução do e-VISA, os pedidos de visto e o envio dos documentos necessários para o tratamento do pedido passam a poder ser feitos por via eletrónica”, lê-se num comunicado de imprensa esta sexta-feira distribuído pelo MNE.

Os requerentes de vistos “recebem um código pessoal de acesso que permite fazer o acompanhamento online do processo, desdobrado em quatro fases”, que são o pedido registado, em análise, deferido ou indeferido e, finalmente, o visto emitido, estando prevista a evolução desta plataforma para a possibilidade de pagamento da taxa administrativa.

“A plataforma e-VISA é uma das novas valências do Novo Modelo de Gestão Consular do MNE e dá continuidade ao esforço de digitalização de toda a tramitação documental dos pedidos de visto. Esta medida contribui para a operacionalização do Plano Nacional de Implementação do Pacto Global das Migrações (Resolução do Conselho de Ministros n.º 141/2019, aprovada a 20 de agosto), acrescenta-se ainda no comunicado sobre esta nova funcionalidade, disponível no Portal das Comunidades e no Portal dos Vistos em português, inglês, francês, ucraniano e russo.