Dark Mode 80,1 kWh poupados com o MEO
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

Um mundo de ficção por explorar, sem sair do sofá

Há novidades e clássicos para descobrir em família entre os mais de cinco mil conteúdos da HBO Portugal, a plataforma de streaming que chegou há um ano. Para ver quando, onde e ao ritmo que se quiser.

Cenários e narrativas que nos retiram de casa em segundos para locais que não conhecemos mas queremos vir a conhecer, histórias de vida que dão em que pensar e personagens que adoramos e que detestamos assim que nos aparecem no ecrã podem ser a companhia ideal para os nossos dias. Não só porque são um programa familiar que pode e deve juntar a família, mas também porque são uma dose saudável de escape e de distração, ingredientes que o dia-a-dia pede.

Felizmente, a diversidade de oferta – tanto de conteúdos como de operadores – veio facilitar a vida aos amantes do cinema. É o caso da HBO Portugal, a plataforma de streaming que chegou ao território português há cerca de um ano. A matemática é fácil de entender: ao todo, são 5500 conteúdos em alta-definição, entre séries, documentários, filmes e conteúdos infantis, que podem ser vistos em dois ecrãs em simultâneo e em cinco dispositivos à escolha. A grande mais-valia é o poder que está na mão de quem assiste, podendo ver onde e quando quiser, e ao ritmo que desejar – seja aos poucos, devorando temporadas inteiras e o meio-termo.

A ficção mundial passa por aqui, mas a nacional também, em apostas como a nova série portuguesa “Auga Seca”. Difícil será não ficar viciado após o período experimental de 14 dias, sem compromisso nem custos, a partir do qual se fixa o valor mensal de 4,99€. Para facilitar a escolha entre o extenso catálogo da plataforma de streaming e ajudar a poupar algum tempo, fazemos um roteiro de sete conteúdos disponíveis na HBO Portugal – um para saborear a cada dia da semana. Depois, é só trazer as pipocas e as mantas para o sofá. Para subscrever, basta ir a hboportugal.com. Tão fácil!

Segunda-feira: A ação está de volta com “Killing Eve”

Ilustração: Joana Figueirôa

Gera inúmeros memes na Internet, tem o público rendido às suas expressões – as faciais e as orais -, ou não fosse esta a cativante assassina Villanelle uma das personagens mais carismáticas dos últimos tempos, responsável por dar a Jodie Comer o Emmy de Melhor Atriz Principal numa Série Dramática, em 2019. A série que equilibra em doses perfeitas drama e comédia, e que conta também com Sandra Oh, vencedora de um Globo de Ouro por este projeto, no papel da agente dos serviços de segurança britânicos, está de regresso com a nova e terceira temporada na HBO Portugal. O caricato jogo ao estilo de gato e rato que ambas protagonizam, e o qual adoramos seguir no ecrã, ganha novas dinâmicas nestes capítulos. A presença de Phoebe Waller-Bridge (a multipremiada criadora de “Fleabag”) como argumentista e produtora-executiva ajuda a aguçar o apetite. Por isso, peguemos nas pipocas e deixemos a ação entrar na nossa sala de casa.

Terça-feira: Tempo de maratonas com “Westworld”

Ilustração: Joana Figueirôa

Existe um mundo, assim como o conhecemos. E depois existe um outro, utópico e fascinante: o de Westworld, onde robôs e a inteligência artificial comandam a vontade humana. Ou será o oposto? A série protagonizada por Evan Rachel Wood e Aaron Paul, que já contou também com a participação e benção de Anthony Hopkins, tem recebido o aplauso consensual da crítica e está de regresso com uma terceira temporada, de oito episódios, acabada de chegar à HBO Portugal. Mais acutilante e complexa do que nunca, vale a pena seguir esta autêntica reflexão sobre a natureza humana. O facto de ter batido recordes de audiência nas plataformas da HBO nos EUA fala por si. Basta espreitar, deixar-se levar por este mundo, onde quase nada do que parece é, e comprovar.

Quarta-feira: Devorar a nova minissérie que tem dado que falar, “McMillions”

Ilustração: Joana Figueirôa

Crime, roubo, contrabando, falsificações e ganhos ilegais superiores a 24 milhões de dólares. Aquele que foi um dos maiores esquemas fraudulentos da história dos EUA é agora descortinado na HBO Portugal, com testemunhos e imagens de arquivo que ajudam a criar os seis episódios desta série documental. O cabeça-de-cartaz é Tio Jerry, como ficou conhecido Jerome P. Jacobson, o ex-polícia que defraudou o famoso jogo promocional, semelhante ao do Monopólio, que a McDonald’s oferecia junto com cada compra, entre 1989 e 2001. O conhecido ator Mark Wahlberg é um dos produtores-executivos por trás do projeto.

Quinta-feira: O mistério aclamado de “Chernobyl”

Ilustração: Joana Figueirôa

Intensa e cativante. É difícil descrever uma série com a qualidade de “Chernobyl”, uma das grandes vencedoras dos Emmy 2019 e um dos projetos mais aclamados do ano passado pelo mundo inteiro, mas estas duas são certeiras. Tem cinco episódios, uma estrutura perfeita para se devorar de uma só vez e um enredo de cortar a respiração. “Chernobyl” aborda o drama histórico em torno do acidente nuclear que marcou o mundo em 1986, a norte de uma Ucrânia soviética, e das consequências que daí surgiram. Performances de topo e uma sensibilidade particular colocam a série numa categoria isolada. A ajudar estão também os desempenhos de atores consagrados como Jared Harris, Emily Watson e Stellan Skarsgard. Pegue nas mantas e na família e delicie-se com esta série no sofá.

Sexta-feira:  Comece a maratona de “A Guerra dos Tronos”

Ilustração: Joana Figueirôa

Palavras para quê? É preciso ter vivido debaixo de uma rocha, durante os últimos anos, para nunca ter ouvido falar sobre o maior fenómeno de popularidade que a ficção viveu na década que há pouco terminou. Nas oito temporadas da série de drama e fantasia, que saltou das páginas escritas por George R. R. Martin para o pequeno ecrã entre 2011 e 2019, cabe um pouco de tudo – dragões gigantes, batalhas intensas, famílias que se unem e se opõem, soldados e estrategas, casamentos sangrentos, poções mágicas e feiticeiros, fanatismo religioso, poder, traição, zombies e um tão desejado e conhecido trono de ferro. Os poucos que ainda não viram, têm agora todo o tempo para conhecer o mundo de Westeros. Os outros, podem sempre rever e matar saudades de Jon Snow (que catapultou para a carreira de Kit Harington), Daenerys Targaryen (Emilia Clarke), Arya Stark (Maisie Williams) e companhia. Não é por acaso que é a série com o maior número de estatuetas Emmy, de sempre – 59 ao todo.

Sábado: Animação para os mais pequenos com “O Show de Tom e Jerry” e “New Looney Tunes”

Ilustração: Joana Figueirôa

Há quase cem anos que o mundo já não consegue viver sem o carismático Bugs Bunny, o coelho mais famoso à escala global, um autêntico ícone cultural do mundo da animação e que agarra ao ecrã os mais novos e os mais velhos. As suas aventuras estão disponíveis na HBO Portugal com 52 episódios de “New Looney Tunes”. Os sábados divertidos ficam também garantidos com outro dos principais pilares das séries de animação, para todas as idades. “O Show de Tom e Jerry” é a janela ideal para dar a conhecer ou recordar o gato e rato mais populares de sempre: o enérgico Tom e o astuto Jerry. Ao todo, são 26 aventuras, para assegurar uns dias muito mais divertidos. É impossível resistir ao dia-a-dia desta dupla inseparável e é a sugestão ideal para ver com os mais pequenos em dias que pedem descontração e divertimento.

Domingo: Muitas gargalhadas com “Friends”

Ilustração: Joana Figueirôa

The one with the best friends. É altura de recordar os clássicos que nunca sairão nem de moda, nem do imaginário coletivo. Vamos (re)ver a história desde cinco amigos que se juntaram em 1994, quando Rachel Green (interpretada por Jennifer Aniston) entrou no mítico Central Perk, com o seu vestido de noiva, depois de abandonar o noivo no altar, e reencontrou a ex-colega de liceu Mónica Geller (Courteney Cox), que viria a tornar-se a sua melhor companheira de vida. O resto ficou para a História televisiva, com 10 temporadas e mais de 230 episódios. Há muito conteúdo para devorar e muitas histórias do carismático Joey (Matt LeBlanc), da única Phoebe (Lisa Kudrow), do sarcástico Chandler (Matthew Perry) e do pessimista Ross (David Schwimmer) para nos fazerem rir.

Subscreva aqui a HBO Portugal.

Este é um conteúdo Observamos em Casa.

_________________________________________________________

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.