Um dia depois de Peter Seewald ter revelado a um jornal alemão que o Papa emérito estava “gravemente doente” e “extremamente frágil”, o seu secretário pessoal veio explicar, através de uma nota difundida pelos serviços de informação do Vaticano, que Joseph Ratzinger está doente, sim, mas que o seu estado não inspira cuidados de maior.

“A condição de saúde do Papa emérito não oferece motivos de particular preocupação”, garantiu o arcebispo Georg Gänswein, explicando que o Papa emérito, de 93 anos, tem uma doença “dolorosa, mas não grave”, cuja “fase mais aguda” já terá sido ultrapassada.

Papa emérito Bento XVI está gravemente doente e “extremamente frágil”, diz o biógrafo oficial

De acordo com as informações divulgadas por Seewald ao jornal alemão Passauer Neue Presse, Bento XVI sofre de zona, uma infeção viral oportunista também conhecida como herpes zoster, que apesar de caracterizada por dolorosas erupções cutâneas não é, à partida, fatal.

Esta segunda-feira, depois de terem sido tornadas públicas as impressões do biógrafo do Papa emérito sobre o seu estado de saúde, a Fundação Joseph Ratzinger partilhou no Facebook uma fotografia do encontro entre ambos, no último sábado, dia 1 de agosto.

Il giornalista tedesco Peter Seewald ha presentato al Papa emerito Benedetto XVI il volume biografico a lui dedicato, lo…

Posted by Fondazione Vaticana Joseph Ratzinger – Benedetto XVI on Monday, August 3, 2020