O mercado está prestes a fechar e o PSG, que praticamente saltou da final da Liga dos Campeões para o início da nova temporada sem qualquer contratação a não ser a opção de compra exercida sobre Mauro Icardi e Sergio Rico (além da contratação por empréstimo do lateral italiano Florenzi, à Roma), apresta-se para fazer um “dois em um” com apenas um jogador português à mistura (e não dois): além do jovem avançado italiano Moise Kean, a grande surpresa deste domingo, Danilo Pereira está a caminho do campeão francês. Já João Mário não é uma hipótese para o conjunto de Thomas Tuchel, ao contrário do que foi avançado esta manhã pelo L’Équipe.

A RMC Sport avançou que Danilo Pereira, capitão do FC Porto de 29 anos, vai também seguir para Paris nas próximas horas, neste caso num acordo feito na última madrugada que prevê a cedência temporária por uma temporada com opção de compra obrigatória. Os exames médicos serão realizados ainda hoje. Segundo adiantaram ao Observador, que confirmou essa informação, o médio deverá render 20 milhões de euros aos azuis e brancos, valor que pode chegar aos 25 mediante objetivos desportivos. De referir que o internacional já tinha estado muito próximo de rumar à Ligue 1 mas para o Mónaco, na última época, altura em que a proposta colocada em cima da mesa foi de 30 milhões de euros – os dragões não confirmaram em 2019 esse valor mas, em comunicado, assumiram que tinham recusado a oferta dos monegascos por consideraram o médio intransferível. O empresário português Jorge Mendes foi também intermediário em mais uma saída do plantel azul e branco.

Em relação a João Mário, que chegou a ser apontado ao PSG mas há duas temporadas, continua com o futuro por definir – e o Sporting ainda sonha contar com o médio este mercado. De acordo com o que o Observador apurou, além das abordagens de clubes russos e turcos, o internacional português recusou propostas do Valladolid e do Fenerbahçe. Assim, e por não entrar nas contas do Inter, o seu futuro continua em aberto, sendo que os leões, sabendo que não têm as condições de outros para resgatar o jogador formado na Academia, continuam num jogo de paciência para assegurar o médio para o lugar de Wendel, a caminho do Zenit por 20 milhões de euros. Nesta fase, a cerca de 48 horas do fecho do mercado, João Mário recebeu sondagens de três clubes da Premier League, dois da Liga espanhola e dois franceses, além de um conjunto da Serie A que oficializou mesmo uma oferta.

De acrescentar que o PSG já tinha estado em destaque este domingo (além de Edison Cavani, uruguaio que estará a caminho do Manchester United) mas por outra contratação surpresa, também ela por empréstimo: Moise Kean, jovem avançado formado pela Juventus que estava desde o ano passado no Everton, não faz parte das contas de Carlo Ancelotti no atual líder da Premier League (quatro vitórias noutros tantos jogos) e deverá reforçar o campeão francês, que em relação à última temporada de 2019/20 tinha perdido apenas… Cavani.