O mais recente surto de Covid-19 no Algarve foi detetado no parque de campismo de Alvor, em Portimão, envolvendo uma centena de pessoas, embora para já tenham sido identificados apenas 13 casos positivos, disse a delegada regional de Saúde esta sexta-feira.

Na conferência de imprensa quinzenal da Comissão Distrital de Proteção Civil do Algarve, Ana Cristina Guerreiro sublinhou que o número de casos pode vir a aumentar, estando ainda testes a decorrer, indicando que as pessoas envolvidas no surto são “maioritariamente estrangeiras”.

Além deste, os surtos que mais preocupam as autoridades, segundo a delegada regional, estão relacionados com clubes de futebol, sobretudo no escalão sub-23, e com grupos religiosos evangélicos em Faro, Olhão e Portimão. Ao todo, são 34 os casos identificados nos grupos religiosos e 31 em clubes de futebol de Almancil (Loulé) — onde se concentra o maior número de casos —, Faro e Olhão, com registo de infeções entre as camadas mais jovens. Os casos relacionados com os grupos religiosos devem-se ao facto de as pessoas estarem “num espaço fechado, eventualmente com maior proximidade do que deviam e em que cantam e falam alto”, referiu, notando que cantar “é uma atividade de risco”.

Existem ainda 50 escolas com casos dispersos, num total de 86, embora ainda não tenha ocorrido nenhum surto em ambiente escolar, frisou, acrescentando que não são os locais com maior índice de transmissão. No total das escolas no Algarve, a maioria dos infetados (72) são alunos, sendo 14 funcionários, entre auxiliares e professores.

Portugal contabiliza pelo menos 3.250 mortos associados à Covid-19 em 204.664 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

O país está em estado de emergência desde 9 de novembro e até 23 de novembro, período durante o qual há recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado e municípios vizinhos. A medida abrange 114 concelhos, número que passa a 191 a partir de segunda-feira.

No Algarve há agora mais sete concelhos na lista – Faro, Albufeira, Portimão, Lagos, Tavira, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António – que se juntam a São Brás de Alportel, correspondendo a metade dos concelhos algarvios. Portugal contabiliza pelo menos 3.181 mortos associados à Covid-19 em 198.011 casos confirmados de infeção, segundo o mais recente boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS), de quinta-feira.