O Turismo de Portugal formalizou esta sexta-feira a parceria com o programa EUSOUDIGITAL e a Estrutura de Missão Portugal Digital para abrir 13 Centros EUSOUDIGITAL, 12 dos quais nas suas escolas e um na sede, em Lisboa.

De acordo com um comunicado enviado pelo gabinete do ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, “estes centros funcionarão com recurso a uma Bolsa de Mentores constituída por alunos das escolas e colaboradores do Turismo de Portugal” e a parceria “prevê, ainda, a criação de novos centros em cafés históricos e restaurantes das regiões onde estão localizados estes 13 espaços, promovendo a proximidade das comunidades locais”, com o objetivo de “promover a capacitação digital dos portugueses e em particular do setor turístico“.

A cerimónia de formalização da parceria decorreu esta sexta-feira, em Lamego, e contou com a presença da secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, e do representante do secretário de Estado para a Transição Digital, João Farinha.

O Programa EUSOUDIGITAL tem o objetivo de promover a literacia digital de um milhão de adultos em Portugal, até ao final de 2023, através do desenvolvimento de uma rede de mais de 30.000 voluntários apoiados em mais de 1.500 espaços a nível nacional”, explicou o ministério com a tutela da transição digital e do turismo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A iniciativa “destina-se a todos os portugueses que nunca usaram a internet que pretendam adquirir competências digitais básicas”, permitindo “combater o isolamento através de ferramentas digitais de comunicação”, a “melhor adaptação às novas realidades de emprego que dependam do acesso à internet”, bem como adquirir conhecimento sobre “os aspetos essenciais da utilização da internet em segurança”.

Lançado em 06 de julho de 2021, o EUSOUDIGITAL é uma medida inscrita no Plano de Ação de Transição Digital, numa iniciativa que junta o Estado Português através da Estrutura de Missão Portugal Digital, a Caixa Geral de Depósitos e o MUDA — Movimento pela Utilização Digital Ativa, financiado no âmbito da Iniciativa Portugal Inovação Social, integrada no Portugal 2020, mobilizando fundos da União Europeia para o apoio de projetos de inovação e empreendedorismo social.