353kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Portugal continua acima dos 30 mil casos ativos de Covid-19

O número de recuperados não foi suficiente para reduzir a estatística da Covid-19 em Portugal abaixo dos 30 mil casos ativos. Número de internados em cuidados intensivos aumentou.

Pessoas viajam em um elétrico, em Lisboa, 18 de junho de 2021. O Governo decidiu proibir as deslocações de e para a Área Metropolitana de Lisboa (AML) no fim de semana devido à subida dos casos de covid-19 neste território. MÁRIO CRUZ/LUSA
i

Desde o início da pandemia já se registaram mais de um milhão de casos de Covid-19 em Portugal

MÁRIO CRUZ/LUSA

Desde o início da pandemia já se registaram mais de um milhão de casos de Covid-19 em Portugal

MÁRIO CRUZ/LUSA

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Portugal continua este sábado acima dos 30 mil casos ativos de Covid-19, com o número de doentes recuperados da infeção a não ser suficiente para reduzir a estatística de casos ativos abaixo daquela barreira.

Segundo o boletim divulgado este sábado pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se nas últimas 24 horas em Portugal 612 novos casos de contágio pelo coronavírus — e a Covid-19 levou à morte de dez pessoas.

Estes números elevam a estatística total da pandemia em Portugal para 1.079.341 casos de Covid-19 e 18.088 mortes pela doença desde março de 2020.

Ainda de acordo com o boletim da DGS, nas últimas 24 horas o número de pessoas internadas em cuidados intensivos aumentou para 59 — mais quatro do que no boletim de ontem.

Em sentido contrário, o número geral de internados em enfermaria desceu para 285, menos 16 do que o número que constava do boletim de ontem.

Por outro lado, 703 pessoas recuperaram da infeção nas últimas 24 horas. Trata-se de um número superior ao de novos casos, o que significa um decréscimo do número de casos ativos. São agora 30.111, menos 101 do que ontem — mas ainda assim acima da marca dos 30 mil, de que chegou a descer na última terça-feira, antes de voltar a ultrapassá-la.

A região de Lisboa e Vale do Tejo foi aquela em que se registaram mais novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com o boletim da DGS.

Foram 240 os casos diagnosticados em Lisboa e Vale do Tejo, seguindo-se o Norte (164 casos), o Centro (126), o Alentejo (42), o Algarve (26), a Madeira (11) e os Açores (três).

Por outro lado, os óbitos registaram-se em maior número no Centro e Alentejo (três em cada região), seguidos do Norte (dois óbitos), do Algarve (um óbito) e da Madeira (também um óbito).

As dez pessoas que morreram nas últimas 24 horas vítimas da Covid-19 tinham todas mais de 70 anos de idade, de acordo com as tabelas enviadas pela DGS aos jornalistas.

Comparando a tabela deste sábado com a de sexta-feira, conclui-se que morreram sete homens acima dos 80 anos de idade, uma mulher acima dos 80 anos e duas mulheres entre os 70 e os 79 anos.

A página está a demorar muito tempo.