Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Flórida Pop Up

Avenida da Boavista, 971, Porto. Segunda a sábado, das 11h às 19h00

Para florescer em conjunto. Arranjos semanais, ramos para noivas, cenários ou styling. Na Flórida as referências botânicas são conjugadas para desafiar todos os limites, entre flores sazonais ou preservadas e por norma à boleia de produtores locais. Agora, em novembro e ao longo de dezembro, apresentam-se em modo pop up num espaço na Avenida da Boavista naquela que descrevem como “uma polinização cruzada de ideias entre designers e artesãos”, que “dá vida a uma coleção de objetos feitos à mão, produtos para o lar, roupas, peças vintage e arte”.

O Flórida Studio é um projeto com a direção criativa de Filipa Alves e assistência de Liliana Mendes © Instagram Flórida Studio

Feira do Mocho

Mercado de Santa Clara, Lisboa. Sábado das 9h00 às 18h00, domingo das 9h30 às 17h00

Para explorar uma zona de feira em dose dupla: este fim de semana, a Feira do Mocho assenta arraiais no Mercado de Santa Clara, o que significa que fica reforçado o convite para visitar a já habitual Feira da Ladra neste espaço. Se é daqueles que detesta deixar as compras de Natal para os últimos dias, o Mocho acena com artigos com assinatura de autor, macramé, joalharia, trabalhos em madeira, trabalhos em crochet, moda para criança e adulto, cerâmica, ilustração, plantas naturais, produtos gourmet e muito mais. Já sabe que o estacionamento é condicionado, mas fica a dica: o parque da Graça fica ali a um pulo perto do recinto.

Bárbara e Núria Ilustração e Retratos passam pelo Mercado de Santa Clara © Instagram Feira do Mocho

Um Latte Brûlèe

Disponível nas lojas Portela da Av. D. João II, Baixa e Av. de Roma, em Lisboa

Para aquecer (mesmo que o frio se ande a fazer de difícil): se o sabor já é naturalmente doce, devido ao toque subtil do caramelo, imagine o momento em que é queimado no final, ganhando uma crosta que em tudo nos faz lembrar o leite creme. Bom, aqui pode dispensar a colher, mas mantenha o apetite nos níveis indicados porque este latte brûlèe tem tudo para ser uma perdição em tardes de inverno (e não só). A novidade no portfólio dos cafés Portela é, obviamente, para gulosos briosos. Para fazer a digestão, é melhor passar a sugestão seguinte.

Há 40 anos no mercado, na Portela tudo gira à volta do café (mesmo quando tem ar de leite creme queimado) © DR

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O que liga as pedras do Castelo? – Oficina de argamassas

Castelo de São Jorge, Lisboa, 15h00. Marcação prévia. 3,5 euros (servicoeducativo@castelodesaojorge.pt; 218 800 620)

Para pôr a mão na (arga)massa: ambas as mãos serão testadas neste curso de uma hora para entreter e ensinar os miúdos: em causa temos uma oficina de argamassas, nada mais, nada menos, que um dos principais ingredientes usados na construção de castelos. Este sábado, com as indicações de Mafalda Alegre (Conservação e Restauro) e Raquel Guerreiro (Serviço Educativo), é possível perceber como se faziam as argamassas, quais as variedades que existem no Castelo de São Jorge, e ainda compreender como se restaura e preserva uma argamassa nos dias de hoje e, não menos relevante, descobrir e pôr em prática a sua receita. Um programa para maiores de seis anos e não menos edificante para graúdos.

Como se ligam estas pedras? Eis o programa para sábado © Kenton Thatcher/Instagram Castelo de São Jorge

David Motta World convida

Rua da Alegria, 126, Lisboa, Sexta e sábado, 14h00 às 20h00

Para um pequeno festim de peças de autor: David M0tta World lança o convite e abre o seu estúdio a Kudlee (Margarida Sá da Bandeira e Vanessa Neffe), Marcella Virzi, The White Raven, Paula Guimarães, e João Magalhães. Da roupa à joalharia, para compras singulares e fora do circuito da praxe, cada nome traz consigo a sua fórmula de autor muito própria para duas tardes bem passadas em registo pop up no Príncipe Real.

A White Raven também passa pela Rua da Alegria © Instagram White Raven

Nova carta no Camélia Brunch Garden

R. do Passeio Alegre, 368, Porto. De segunda a sexta, entre as 10h as 20h e, ao sábado e domingo, das 9h às 20h.

Para repetir muitas vezes a expressão “guilty pleasures”: são prazeres com culpa que garantem inocência em dois tempos. Senão vejamos: temos uma brownie bowl gulosa, uma torrada de brioche com rosbife, sangria de dióspiro, e um cocktail servido com chocolate crocante e pimenta rosa. Como não bastasse, ainda outras novidades low carb, opções vegan e comidas de conforto para aconchegar. Tudo incluído na nova carta do Camélia Brunch Garden, que acaba de lançar as suas novidades outono/inverno. Há ideias para partilhar, como a batata hasselback com creme de queijo e chimichurri (5€), ou os fingers de falafel vegan com mayo de abacate e ras el hanout (5€); tijelas quentes com conteúdos variados, novos smoothies e iguarias para adoçar a boca.

Para adoçar a boca, há uma nova bowl vegan – a Brownie Bowl (5€) – com chocolate negro, brownie, banana e chocolate quente – e ainda um Cheesecake de forno servido à fatia (3,5).

O Retrato e Lisboa: os rostos e os lugares na obra de Bordalo | Curso de fotografia

20, 27 de novembro, 4 e 11 de dezembro; das 10h às 13h; 30 euros por participante; Inscrições e informações
bilheteira@museubordalopinheiro.pt

Para captar o espírito bordaliano: o programa destina-se a adultos e jovens a partir dos 15, arranca de forma teórica, e segue o seu caminho rua fora, no encalço das artérias e lugares que inspiraram o mestre. Trata-se de um curso de fotografia orientado por Vitorino Coragem que fará uma viagem pelo imaginário satírico e metafórico presente na obra de Rafael Bordalo Pinheiro. Os alunos terão duas sessões sobre os princípios básicos da fotografia, seguidas de outras duas sessões, desta feita pelos percursos alfacinhas, um roteiro que terminará no mercado de Alvalade.

Da casa-museu para as ruas de Lisboa que inspiraram boa parte da obra de Rafael Bordalo Pinheiro © Filipe Amorim/OBSERVADOR

Sergio Crivelli – Ristorante Italiano

Rua Brito Capelo, 705, Matosinhos. 12h00 às 15h00, 19h00 às 22h00. Encerra ao domingo

Para saborear uma das estrelas da estação: para os enamorados pelos cogumelos, o mais difícil mesmo será escolher que prato apreciar na casa de Sergio Crivelli, o chef natural de Spoleto que desde 2012 serve a gastronomia italiana nas mesas do seu ristorante na Rua Brito Capelo, em Matosinhos. Até ao final deste mês, o coração render-se-á ao poliamor e baterá mais forte pelo Risotto Al Misto de Funghi, onde o risotto com azeite e alho se misturam com uma mescla de cogumelos silvestres e de cultivo; pela Pasta al Misto di Funghi, com os cogumelos silvestres a misturarem-se com espécies como o agaricus, o pleurotus, ou o shiitake; e ainda pelo Ravioli al Tartufo Nero e Funghi e pela Pizza Al Funghi. Enfim, cogumelos e mais cogumelos, o ingrediente-rei por estes dias.

Até final do mês de novembro, este ingrediente vai ser o rei da cozinha italiana, pelo menos neste reduto a norte © DR

Passeio nos Jardins Iluminados

Fundação das Casas de Fronteira e Alorna. Largo de São Domingos de Benfica, 1, Sete Rios, Lisboa. Sexta-feira, das 20h30 às 22h30. Marcação: fcfa-cultura@fronteira-alorna.pt ou 217 782 023. Visita 7  euros, audioguia 3 euros

Para aproveitar as últimas oportunidades: mão é que as noites ainda sejam de verão mas pelo menos a avaliar pela temperatura dos últimos dias a experiência, encetada em agosto, promete manter-se minimamente agradável em termos atmosféricos, mesmo depois do sol desaparecer. Esta sexta-feira é a penúltima oportunidade para visitar os jardins do Palácio Fronteira em modo iluminado, num trajeto ao ar livre para conhecer e aproveitar a calma deste lugar. E para um pouco de informação extra, são disponibilizados audioguias (em português, francês e inglês) e ainda videoguias em língua gestual portuguesa.

© Jorge Maio

Fim de semana no GAIA Family GIG

GaiaShopping, Vila Nova de Gaia. Sábado e domingo

Para agradar a todos os gostos: nem só de compras vivem os centros comerciais e se adora circular por estas grandes superfícies vai gostar de saber que há programa extra para sábado e domingo. Dia 20, o GAIA Family GIG recebe Carlão, às 17h, para um concerto de entrada livre. No dia 21, às 18h30, a Orquestra da Costa Atlântica promove o filme-concerto Charlie Chaplin com orquestra ao vivo, num encontro entre música e cinema — ambos os espetáculos decorrem na sala 4 dos cinemas NOS e necessitam de levantamento de bilhete no Balcão de Informações (lotação limitada ao espaço). Mas para preencher ainda mais estes dias de descanso, às 11h de sábado e domingo, pode fazer reserva antecipada e espreitar as Oficinas Arquivos de Família: os participantes são convidados a partilhar fotografias de família, explorando diversos dispositivos, e no final criarão um álbum de memórias que se transforma num micro-filme.

Carlão atua este sábado à tarde no GaiaShopping, um espetáculo com entrada livre (lotação limitada) © DR

Novas sobremesas na Barra Cascabel

El Corte Ingles, Lisboa

Para caprichar no açúcar e no bota abaixo: melhor que uma sobremesa nova numa carta é uma dose dupla de novidades e o chef mexicano Roberto Ruiz não faz a coisa por menos no Barra Cascabel. Como se esta lista de planos para o fim de semana não estivesse já adocicada quanto baste, eis que entram em cena um taco de chocolate (recheado com chocolate, sobre doce de amoras), e um flanmaíz de queijo (um típico flanmaíz com milho e doce de figo). Para os estômagos mais audazes, não falta a sugestão do shot de Mezcal ou uma série de cocktails que já fazem parte da casa: Margarita, Cascabel, Bloody Maria, Mojito, ou Vato Muy Loco. A bebida despertou a fome de novo? Vire-se para os salgados: Tostada de Bonito, Tacos de Camarão Enchipotlado ou uma Costilla de Buey a la brasa.

O taco é recheado com chocolate, sobre doce de amoras © DR

São Martinho no Torre de Palma Wine Hotel

Herdade de Torre de Palma, Monforte. Programas para duas pessoas durante o fim de semana a partir de 650 euros

Para prolongar a temporada das castanhas e vinho: com o tempo a ajudar, o magusto promete celebração à altura até final do mês — neste caso, convida até a escapadinha para aproveitar os encantos outonais do Torre de Palma Wine Hotel. Na planície alentejana, sugere um programa especial de São Martinho, com direito às clássicas castanhas, assadas nas brasas, a provas de vinhos e azeites, ou às criações do chef Miguel Laffan, que seguem a toada da época. Há cozido de castanhas da Serra de São Mamede, farófias com nozes de Monforte e sericaia com marmelos em calda, que se juntam à carta habitual do Restaurante Palma. A par deste programa, disponível até dia 28 de novembro, a Torre de Palma desafia a uma visita ao seu olival, para aprender sobre o azeite e a sua cultura.

As clássicas castanhas aqui são assadas nas brasas, para um São Martinho prolongado que inclui provas de vinhos e azeites, e as criações do chef Miguel Laffan © DR

Häagen-Dazs Delights

Disponíveis em todas as lojas de norte a sul do país. 13 euros a caixa de 8 unidades ou 1,70 euros cada unidade

Para receber o frio com mais frio: há muito que o gelado perdeu a fama de se ajustar unicamente à temporada estival. A acompanhar uma sobremesa no prato ou a revelar-se em nome próprio, sem bengalas, apresenta-se nas mais inesperadas, e gulosas, combinações de inverno. A Häagen-Dazs, por exemplo, começa a celebrar a época festiva com o lançamento dos novos Häagen-Dazs Delights, os bombons de gelado da marca, agora com novos sabores e um packaging renovado. Depois da edição do ano passado, conte com quatro sabores disponíveis: Chocolate & Hazelnut, gelado de chocolate & avelã, com creme de avelãs e caramelo no centro e uma cobertura de chocolate negro e amêndoas caramelizadas; Cookies & Cream, gelado de cookies & cream com chocolate fondant no centro e com cobertura de chocolate branco e pedaços de bolacha Oreo; Mango Sorbet, sorvete de manga, com maracujá confitado no centro e cobertura de chocolate branco com raspas de maracujá; e Velvety Vanilla, gelado de baunilha, com caramelo e nozes pecan no centro, coberto com chocolate de leite e nozes pecan caramelizadas. Só falta medir o grau de tentação: pode comprar a caixa com oito bombons (2 sabores cada) ou contentar-se com o pedido à unidade.

Existem quatro sabores disponíveis, para provar com uma caixa inteira ou à unidade © DR

Festival “Super Bock em Stock”

Avenida da Liberdade (várias salas), Lisboa. Sexta-feira e sábado, das 19h às 2h. Passe geral: 45€

Para regressar à Avenida: depois de um primeiro arranque de motores, com eventos como o açoriano Tremor e o lisboeta Iminente, chegou a altura de um já tradicional festival de inverno, que começou por se chamar Super Bock em Stock, ganhou depois o nome de Vodafone Mexefest e regressou à nomenclatura original em 2018. A edição é a primeira pós-pandémica, o formato é o mesmo de sempre e permite descobrir artistas e bandas, sobretudo emergentes, vendo-os atuar ao vivo em salas inusitadas da Avenida da Liberdade como a Estação Ferroviária do Rossio, o Palácio da Independência, a Casa do Alentejo e a Garagem EPAL. Há várias promessas a descobrir, nacionais (Acácia Maior, Atalaia Airlines, Monday) e internacionais (Wet Leg, Bia Ferreira). Pelas salas mais institucionais — Cinema São Jorge, Capitólio, Teatro Tivoli BBVA e Coliseu dos Recreios — vão passar artistas e grupos como Django Django, Iceage, Sam The Kid & Mundo Segundo, Benny Sings, David & Miguel, Priya Ragu, Tomás Wallenstein e The Legendary Tigerman.

Iceage live in Copenhagen, Denmark.

A banda dinamarquesa Iceage vai atuar este sábado no Coliseu dos Recreios (22h), no âmbito do festival ‘Super Bock em Stock’ (PYMCA/Universal Images Group)

Concerto de IMADDB

Lisboa ao Vivo. Sábado, 22h, 29 euros

Para um pouco mais de música: nascida em Lisboa mas a viver no Reino Unido desde pequena, filha de pai angolano e mãe saudita, Diana de Brito tem trilhado o seu percurso musical a partir de Manchester. Cantando maioritariamente em inglês, mas com o idioma português a infundir-se também ocasionalmente nas suas canções, a cantora e rapper de 25 anos tem chamado a atenção com uma série de mixtapes e mini-álbuns (ou EP) editados com o nome artístico IAMDDB, que já a levaram inclusivamente a assegurar as primeiras partes de uma digressão de Lauryn Hill no Reino Unido no final de 2018. Numa altura em que está a finalizar o primeiro álbum, que deverá espelhar o seu interesse num novo R&B — que se apropria do groove da soul e de um funk em baixa rotação, da verve do hip-hop e dos ritmos eletrónicos —, IAMDB apresenta-se este sábado na sala de espetáculos Lisboa ao Vivo, na capital portuguesa.

Wireless Festival 2019 - Day 1

Diana de Brito, com raízes portuguesas e angolanas mas a viver em Inglaterra desde pequena, apresenta-se ao vivo em Lisboa numa altura em que está a finalizar o seu primeiro álbum (PA Images via Getty Images)

Concerto Jorge Palma – 70 voltas ao Sol

Grande Auditório do Centro Cultural de Belém, Lisboa. Sábado, 21h. Bilhete entre 20€ e 40€

Para encerrar com um clássico: em 2020 , Jorge Palma apresentou-se pela primeira vez ao vivo com o espetáculo “70 voltas ao Sol”, criado para celebrar os 70 anos do incontornável músico, cantor e compositor da canção portuguesa. A ideia passava por revisitar o longo e diverso património de canções de Palma, com o autor de “Frágil”, “A Gente Vai Continuar”, “Dá-me Lume” e “Bairro do Amor” acompanhado por uma orquestra de câmara de 14 elementos. A pensar os arranjos orquestrais para as canções de Jorge Palma, estiveram dois pianistas e compositores reputados, Filipe Melo e Filipe Raposo, ficando a seleção dos intérpretes da orquestra a cargo do maestro Cesário Costa. Este sábado, um dia depois de editar um disco ao vivo com o mesmo nome do espetáculo (e também com orquestra), Palma apresenta-se novamente no CCB acompanhado por um ensemble dirigido pelo maestro Cesário Costa e por uma convidada especial: a cantora Cristina Branco.

Jorge Palma atua este sábado no CCB, em Lisboa (@ Paulo Novais/Lusa)

“Nunca mais é sábado” é uma rubrica que reúne as melhores sugestões para aproveitar o fim de semana.