Jess Helt subiu ao palco dos MTV Music Video Awards no domingo para receber o prémio de Miley Cyrus, que se emocionou enquanto o sem-abrigo falava. A cantora deu tempo de antena ao seu “herói” para lançar uma campanha de sensibilização e angariação de dinheiro para os jovens sem-abrigo.

Mas o conto de fadas teve o seu lado negro. Esta história remonta a 2010, quando, aos 18 anos, Helt foi preso por injúrias e roubo, conta o Independent. De acordo com o diário, os registos do tribunal mencionam uma invasão a um apartamento de um homem que estaria a vender marijuana, que Helt acreditava ser de má qualidade.

Helt declarou-se culpado e foi-lhe sentenciada uma pena de 30 dias de prisão e liberdade condicional, que violaria, acabando por receber outro mandado de prisão, emitido em novembro de 2011. Mas nunca terá sido detido, pois decidiu mudar-se para Los Angeles para encontrar trabalho como modelo.

Miley Cyrus conheceu Helt num centro para jovens sem-abrigo de Hollywood, para a qual iniciaria uma campanha de angariação de fundos. As notícias de que a polícia ainda estaria atrás de Helt deixaram a artista desiludida. “A comunicação social nunca deixa de desiludir. Escolheram ir atrás do Jess em vez de cobrir o assunto dos jovens sem-abrigo”, desabafou no Twitter.

E escreveu mais: “Enquanto eles estão obcecados com o processo legal de um sem-abrigo, vamos ajudar os outros 1,6 milhões de jovens sem-abrigo.” Veja aqui a campanha lançada pela cantora.