O piloto brasileiro Lucas di Grassi venceu hoje, em Pequim, a primeira corrida de sempre de Formula E, o Mundial de carros elétricos que arrancou num circuito urbano da capital chinesa.

O histórico pódio desta corrida ficou completo pelo francês Franck Montagny, e o alemão Daniel Abdt. Esta primeira corrida do Mundial de Fórmula E decorreu num circuito que atravessou o complexo olímpico dos Jogos de Pequim 2008, de 3,453 quilómetros.

O português António Félix da Costa é um dos 20 pilotos que disputarão este Mundial de Fórmula E, mas não se estreou em Pequim por estar a disputar a oitava prova do campeonato de Turismos da Alemanha (DTM), no autódromo EuroSpeedway Lausitz, em Oberspreewald-Lausitz.

O francês Nicolas Prost, filho de Alan Prost, conquistou hoje a “pole position” para o Grande Prémio de Pequim. O filho do tetracampeão mundial de Fórmula 1 foi cronometrado em 1.42,200 minutos na volta mais rápida ao circuito citadino de 3.453 quilómetros.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O brasileiro Bruno Senna, sobrinho de uma das maiores figuras da Fórmula 1, o já falecido Ayrton Senna, desiludiu nas qualificações, pois não conseguiu ligar o seu monolugar, partindo para a corrida na 19.ª e penúltima posição na grelha.