Conhece os nomes Mário Ferreira, João Rafael Koehler e Tim Vieira? Caso ainda não esteja familiarizado, aqui vai uma ajuda pela mesma ordem: presidentes da Douro Azul, da Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE) e Special Edition Golding. Agora pense no Shark Tank.

Estes são três dos cinco nomes que vão compor a mesa do júri do programa televisivo Shark Tank português que estreia em janeiro na SIC. Três tubarões que, segundo o jornal Expresso, poderão ser o investidor que procurava para o seu negócio. Os restantes nomes deverão ser anunciados esta quinta-feira.

Tim Vieira será o nome que menos conhece. Trata-se de um empresário sul africano estabelecido em Angola. É presidente da Special Edition Holding. E está à frente de uma extensa lista de empresas nas mais diversas áreas, entre elas comunicação e publicidade.

Aos 41 anos, João Rafael Koehler, é o quinto presidente da ANJE com percurso reconhecido na empresa de colas que o pai criou. Em 12 anos passou as vendas de 5 milhões para 80 milhões de euros. É licenciado em Direito.

Mário Ferreira, 46 anos, é conhecido como o “Senhor do Douro”. Na Douro Azul, espera faturar 36 milhões de euros no final de 2014. O empresário subiu a pulso, com uma juventude passada a trabalhar em paquetes de luxo à volta do mundo. Apostou no turismo. O empresário acredita não ser difícil transformar 50 mil euros num negócio de milhões com uma boa ideia.

Mais do que jurados, estes empresários vão ser possíveis investidores dos negócios que os concorrentes lhes apresentem, à semelhança do que acontece com o programa original – nascido nos EUA. O programa vai ser produzido pela Take&Sound e pela Endemol.

A versão internacional, que já vai na sexta temporada é transmitida na SIC Radical e já foi nomeada para o prémio Producers Guild Award, para os Emmy, para os Critics’ Choice Television Award e, em 2014, venceu o Emmy para Outstanding Structured Reality Program.