Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O fisco está no terreno com uma operação de controlo dos inventários das empresas, que são obrigadas a comunicar ao fisco os inventários para evitar manipulações no valor que os leve a pagar impostos mais baixos, confirmou o Observador.

A SIC avança que se trata de dois mil inspetores numa operação que tem como alvo mais de 10 mil empresas.

As empresas nem sempre comunicam o valor correto dos stocks. Apresentando um valor inferior de stocks do que na realidade têm (ou seja, não declaram a totalidade das vendas), o valor do volume de negócios é inferior, o que faz com o que valor final a pagar de impostos seja também ele mais baixo. Assim, os stocks comunicados ao fisco pelas empresas são maiores do que o que acontece na realidade.

As empresas têm de comunicar ao fisco até dia 15 de janeiro de cada ano o valor dos seus inventários no final do ano imediatamente anterior. No próximo ano, a comunicação terá de ser feita por via eletrónica até dia 31 de janeiro.

(Notícia atualizada às 15:02)

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR