A secretária-geral da Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP), Maria José Costeira, é a nova presidente da direção depois de vencer as eleições de sábado. Torna-se, assim, a primeira mulher a presidir àquela associação.

Maria José Costeira, que encabeçava a lista B – ‘Somos Juízes’, venceu as eleições com 669 votos, contra os 423 alcançados por Luís Miguel Martins (lista A – ‘Em Nome dos Juízes’) e os 357 votos recolhidos por Alziro Cardoso (lista C – ‘Firmeza e Dignidade’).

Nestas eleições da ASJP podem votar cerca de 2.200 juízes, tendo sido contabilizados 1.449 votos. A ainda secretária-geral da ASJP atribuiu, nestas eleições, especial importância à aprovação do novo Estatuto dos juízes, ainda durante esta legislatura, apontando o compromisso político assumido pela ministra da Justiça nesta matéria, que prevê a melhoria remuneratória da classe, através da atribuição de um subsídio.