“O que tinha a falar está no comunicado que ontem divulguei e [que] desmente categoricamente as notícias que estão a circular”, afirmou Sérgio Figueiredo ao Observador. O diretor de informação da TVI desmentiu, assim, por completo as notícias que, desde o início da semana, dão conta de um eventual afastamento de Judite de Sousa da apresentação dos telejornais na estação de Queluz de Baixo — TV7 DiasDiário de Notícias escreveram que a jornalista pediu à TVI para se afastar do ecrã.

A revista TV7 Dias foi a primeira a dar conta do alegado pedido de afastamento. Na sua última edição, a publicação faz manchete com Judite Sousa, dizendo que a jornalista foi castigada pela Direção de Informação da TVI por supostamente ter censurado uma notícia e por se encontrar “emocionalmente frágil”.

Isso foi o suficiente para que a TVI saísse em defensa da pivô, ao emitir, esta terça-feira, o seguinte comunicado: “A Direção de Informação da TVI reage com espanto e indignação à notícia da revista TV7 Dias, completamente falsa e infundada, sobre o pretenso afastamento da jornalista Judite Sousa da apresentação dos principais jornais da estação”.

D.R

Facebook Oficial da revista TV7 Dias

O comunicado afirma ainda que os relatos tornados públicos “nunca existiram” e que se encontram assentes em “histórias totalmente ficcionadas”, contadas “por uma suposta fonte anónima da redação”. Por esse motivo, a manchete em questão foi rotulada de “disparatada” e “difamatória”, além de “particularmente injusta” para quem “vive um drama pessoal que é conhecido”. O documento acrescenta ainda que Judite Sousa “nunca fez cedências no seu brio profissional e na sua entrega ao trabalho”.

“A única notícia [é] de uma revista que espero ver retratar-se dos disparates que publicou”, disse ainda Sérgio Figueiredo ao Observador. No entanto, a edição de esta quarta-feira do Diário de Notícias dá conta de um suposto acordo entre a jornalista e o próprio Sérgio Figueiredo, o qual pressupõe que Judite fique mais tempo atrás das câmaras: “Decidiram em conjunto que ela ficaria um tempo afastada do ecrã. A Judite continua muito em baixo. O dia de aniversário do filho [10 de abril] está a aproximar-se”, segundo afirmou fonte próxima da pivô ao DN. O mesmo jornal cita outra duas fontes, ambas elementos da redação. Enquanto a primeira afirma que a jornalista “tem participado todos os dias nas reuniões de alinhamento de Jornal da Uma e do Jornal das 8, a outra diz que o trabalho da pivô está agora “mais concentrado nos bastidores” e que “ela está mais atrás das câmaras”.

Recorde-se que Judite Sousa perdeu o único filho, André Sousa Bessa, a 29 de junho de 2014.