As atenções do mundo estão em Katmandu desde o sismo de 25 de abril, causando quase 4000 mortos e a destruição de inúmeros monumentos. Um nepalês, Kishor Rana, utilizou um drone para filmar a capital do Nepal e colocou o vídeo no Facebook, ajudando a alertar o mundo para o drama. As imagens captadas mostram várias perspetivas da cidade e sublinham a destruição de referências do património cultural nepalês como o Templo do Macaco, o templo de Kasthamandap, a torre de Dharahara e as Praças de Durbar, que é Património Mundial da UNESCO.

“Estes são tempos de desespero mas temos de nos unir nestas alturas. Aqui têm filmagens que eu gravei hoje [dia 26 de abril] depois do sismo de 7.9 [na escala de Richter] que nos atingiu ontem. Não filmei equipas de salvamento em resgate por respeito às famílias das vítimas. Ontem não perdemos apenas muitas vidas e muitos lares, mas também muitos pedaços do nosso património cultural, da nossa história. Estas são as filmagens de todos o património danificado durante o terramoto”, consta na descrição de todos os vídeos partilhados no Facebook.

Destruição no Vale de Katmandu, CNN

Destruição no centro de Katmandu

Vale de Katmandu

https://www.youtube.com/watch?v=KwBulnulMLA