A polícia alemã anunciou que conduziu esta terça-feira oito rusgas em Berlim em busca de suspeitos de incitarem residentes a juntarem-se ao grupo radical Estado Islâmico na Síria.

As operações começaram às 06h30 (05h30 em Lisboa) e tiveram como alvo, entre outros, um marroquino de 55 anos, suspeito de recrutar para os ‘jihadistas’ e um homem de 19 anos, da Macedónia, que se pensava estar, atualmente, na Síria, indicou a polícia em comunicado.

Uma das rusgas ocorreu junto a uma mesquita no distrito te Tempelhof-Schoeneberg no centro de Berlim.