O selecionador galês Chris Coleman considerou esta terça-feira, no lançamento do Portugal-País de Gales das meias-finais do Euro 2016 de futebol, que Cristiano Ronaldo e Gareth Bale não têm em comum apenas o talento, mas também a força mental.

Coleman revelou ter obtido informações sobre Cristiano Ronaldo através da lenda galesa Ryan Giggs e do antigo treinador do Manchester United Alex Ferguson.

No entanto, Coleman acredita que Gareth Bale, que marcou três golos e liderou a seleção galesa até às meias-finais deste Euro 2016, “tem trabalhado no duro para se tornar no mais caro jogador do mundo”.

“Se eu falar com Giggs ou Alex sobre Ronaldo, eles irão elogiar em primeiro lugar a sua vontade indómita de se tornar cada vez melhor. Aliás, isso transparece ao vê-lo no relvado, a sua motivação para marcar golos e vencer. Penso que a vontade que tem de treinar no duro para ser melhor do que os outros já a tinha quando chegou muito jovem ao Manchester United”, disse Chris Coleman acerca do jogador português.

De resto, o selecionador galês considera que “o talento é uma enorme distração, não é suficiente, mas ele tem a atitude certa, tal como Bale, que possui a mentalidade dos grandes campeões”.

Sobre o extraordinário desempenho do País de Gales no Euro 2016, Coleman assume que é um sonho. “Não devemos ter medo de sonhar. Há quatro anos estava longe de tudo e vejam o que aconteceu. Se trabalhares no duro e não tiveres medo de fracassar… Eu tinha mais fracassos do que sucessos, mas nunca tive medo de falhar. Por isso, saboreio hoje este momento tão doce”.