“Pues que… seguiremos por PT una temporada más”. Casillas desfez esta quinta-feira o tabu e vai seguir mais um ano no FC Porto, quebrando toda a especulação sobre uma possível saída por causa do elevado salário numa temporada onde a contenção orçamental será uma prioridade para os responsáveis azuis e brancos, em virtude das regras do fair play financeiro a que o clube estará sujeito sob a égide da UEFA.

Contratado em 2015 ao Real Madrid, numa transferência que fez correr muita tinta pelo impacto mediático que comportou (o guarda-redes tinha passado 16 anos nos seniores dos merengues e 25 no total), o espanhol agarrou desde logo a titularidade e cumpriu um total de 83 jogos em duas temporadas. “Estou muito contente por continuar mais uma temporada no FC Porto. Muito entusiasmo perante os objetivos que se apresentam”, escreveu na sua conta oficial no Twitter.

Apesar de ser um dos jogadores mais titulados no ativo (conquistou todas as competições de clubes e seleções, incluindo três Champions, dois Campeonatos da Europa e um Mundial), o espanhol de 36 anos não conseguiu ainda ganhar qualquer troféu pelos dragões, tendo agora mais uma época para alcançar esse objetivo.

A renovação por mais um ano com Casillas demonstra também a linha que o FC Porto tem adotado no presente defeso: apesar das vendas já realizadas, com André Silva (AC Milan, 38 milhões) e Rúben Neves (Wolverhampton, 18 milhões) à cabeça, uma das prioridades passa por segurar a estrutura central recuada da equipa, com o guarda-redes espanhol, a dupla de centrais Felipe e Marcano e o ‘6’ Danilo a funcionarem como unidades fulcrais para Sérgio Conceição, que pretende manter a estabilidade defensiva que marcou a última época dos azuis e brancos.

Acrescente-se que, até ao momento, o FC Porto não fez qualquer contratação (fez apenas regressar alguns jogadores que estavam emprestados, como Ricardo Pereira, Martins Indi, Marega ou Hernâni, ou promoveu elementos da equipa B para serem observados durante a pré-temporada), sendo que Iker Casillas, que tinha terminado a ligação ao clube no final de junho, funciona como primeiro “reforço” dos dragões.