O primeiro fim-de-semana de outono vai ser marcado em Portugal continental por alguma nebulosidade, vento fraco e temperaturas máximas a variar entre 20 e 30 graus Celsius, adiantou esta sexta-feira o meteorologista Bruno Café.

Em declarações à agência Lusa, o meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) disse que para esta sexta-feira, dia em que começa o equinócio de outono, está previsto céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade em especial nas regiões montanhosas.

Para o fim de semana não vai haver grandes alterações. Está previsto céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade em especial nas regiões montanhosas, vento fraco no litoral oeste e moderado nas terras altas e neblina ou nevoeiro matinal”, disse.

Segundo Bruno Café, está prevista também uma pequena subida das temperaturas mínimas nas regiões montanhosas e descida da máxima na região norte. “No domingo poderão ocorrer aguaceiros no final do dia na região norte”, salientou.

De acordo com o meteorologista, durante o fim de semana, as temperaturas vão ser mais elevadas no Alentejo, em especial no interior, devendo chegar aos 30/31 graus Celsius e na região Vale do Tejo entre 27 e 30 graus.

No interior norte, as temperaturas máximas vão variar entre os 26 e os 28 e no litoral norte e centro entre 20 e 25 graus. “Não haverá grandes alterações até domingo, mas na segunda-feira devido a uma passagem de uma superfície frontal fria já vamos ter um aumento da temperatura mínima e uma descida da máxima”, acrescentou.

O equinócio de outono começa hoje às 21:02 em Portugal continental e na Região Autónoma da Madeira e às 20:02 na Região Autónoma dos Açores, de acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa. Esta estação prolonga-se até ao próximo Solstício que ocorre no dia 21 de dezembro às 16:28 em Portugal continental.