A 24.ª edição do Portugal Fit vai promover inúmeras atividades desportivas, no sábado e no domingo, na Altice Arena, em Lisboa, num evento de fitness que vai disponibilizar outro tipo de atividades.

“Todos os anos queremos trazer coisas novas e este ano estamos a dar mais importância à parte da mente. No ano passado e há dois anos já fizemos alguns ‘workshops’ ligados à mente e tiveram uma enorme aceitação e, por isso, este ano vamos dar mais um bocadinho daquilo que nos estão a pedir”, explicou à Lusa Margarida Manz, uma das organizadoras do evento.

Reiki ou hipnose desportiva, são alguns dos novos workshops a que o publico terá acesso.

Ao todo, os visitantes vão ter ao seu dispor quase 100 diferentes atividades.

No sábado irá decorrer a final dos Manz Cross Games, “uma competição que envolve os ginásios de Portugal” e na qual são esperadas “cerca de 100 pessoas” e, no domingo, adiantou a organizadora do evento, o foco estará na final da Taça de Culturismo Carlos Rebolo.

Além disso, durante o dia o recinto estará repleto de “várias demonstrações” de aulas, de “20 a 30 minutos”, mas é no final de cada dia que vão decorrer duas grandes aulas, “que são abertas a toda a gente que esteja dentro da Altice Arena”, frisou Margarida Manz.

No sábado, às 19:45, a modalidade escolhida, depois de um dia rico em adrenalina foi o ‘body balance’ e, no domingo, às 17:45, o ritmo vai aumentar com uma enérgica aula de ‘body combat’. Depois, haverá ainda sessões de ‘showcooking’ ou ‘workshops’ que visam promover uma alimentação mais saudável.

Este ano, o evento – que espera conseguir vender “25 mil bilhetes” — associou-se a “uma causa solidária”, cujo objetivo “é levar água a África” através da campanha ‘Move The World’ da UNICEF.

Numa colaboração com a Les Mills, Margarida Manz revelou a doação de 50 cêntimos por cada bilhete vendido para este projeto. Mas, o mesmo contributo pode ser feito também através das redes sociais, com cada fotografia ou vídeo partilhado do evento com as ‘hashtags’ #portugalfit2017 e “#desteanonãopassa”.

A organização desconhece se o evento vai continuar a realizar-se em Lisboa em 2018, revelando já ter vendido 20 mil ingressos para sábado, entre as 09:30 e 22:00, e domingo, entre as 09:00 e as 21:00.