O FC Porto negou na tarde desta quinta-feira qualquer tipo de ilegalidade em torno da segunda parte do jogo com o Estoril, que os dragões venceram por 3-1, ao mesmo tempo que deixou uma garantia: “A resposta vai ser dada em campo”.

PGR encaminha denúncia anónima sobre segunda parte do Estoril-FC Porto para o DIAP de Lisboa

“Os factos, como sempre no caso de matérias relacionadas com o FC Porto, serão comprovados documentalmente. É, por isso, totalmente falso que a segunda parte do nosso jogo contra o Estoril tenha sido objeto de qualquer negócio”, refere o comunicado publicado no site oficial dos dragões, prosseguindo: “O FC Porto solidariza-se com a tomada de posição do Estoril, que também já repudiou esta trama noticiosa, que pretendeu atingir o bom nome dos dirigentes de ambos os clubes e, acima de tudo, desestabilizar os jogadores de ambas as equipas, que têm pela frente desafios importantes para os seus objetivos”.

“O único objetivo para o trânsito desta pseudonotícia só pode ser uma tentativa frustrada de desestabilizar a nossa equipa fora de campo, na véspera de um importante jogo. A resposta será dada em campo, com o apoio massivo do mar azul, que tem acompanhado a equipa desde o início da época”, conclui a missiva dos azuis e brancos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Sérgio Conceição, na conferência de antevisão ao jogo com o Sporting, recusou qualquer tipo de ilegalidade. “Alguém dizia na TV, e é verdade,  que é levantar poeira. Mas isto é mais do que isso, é lixo, ácido. É tirar mérito e qualidade aos meus jogadores. Tenho muita pena por causa disso. Somos uma equipa forte, ganhámos dentro de campo”, assegurou o treinador.

Também o Estoril emitiu um comunicado sobre o tema, recusando o teor da denúncia anónima entregue na Procuradoria-Geral da República. “Entendemos ser necessário contrariar a nossa política habitual de não comentar peças jornalísticas de forma a reiterar publicamente a nossa total confiança no profissionalismo e integridade de todos os colaboradores que integram a estrutura do futebol profissional do Estoril Praia. Como sempre, a Estoril Praia – Futebol, SAD, está ao total dispor de todas as entidades oficiais que pretendam ser esclarecidas sobre quaisquer factos considerados relevantes”, destacou.