História

“Bobby Kennedy a Presidente”. Há uma nova série documental para contar a história desta campanha

O irmão de JFK estava na corrida à Casa Branca quando foi morto a tiro. É essa campanha eleitora que quatro episódios de uma hora cada vão recordar, a partir de 27 de abril no serviço de streaming.

Getty Images

Tinha 42 anos, 11 filhos e apenas 83 dias de campanha eleitoral, na corrida para as presidenciais americanas, em 1968. Estava no hotel Ambassador, em Los Angeles, onde tinha discursado depois de vencer as primárias do partido Democrata nos estados da Califórnia e do Dakota do Sul. Desceu do palco, saiu da sala onde estava e dirigia-se para o exterior através da porta da cozinha. Nesse momento, Sirhan B. Sirhan disparava várias vezes e atingia o candidato. Robert F. Kennedy morreu 26 horas depois no hospital.

Robert F. Kennedy depois de ter sido atingido por vários tiros no hotel Ambassador

Terá sido uma das campanhas mais curtas da história eleitoral americana. E era também uma das mais promissoras. No cargo estava Lyndon B. Johnson, o homem que na altura acumulava problemas e dificuldades, sobretudo graças ao que acontecia no Vietname (onde os EUA combatiam num conflito muito contestado, com mais ou menos intensidade desde 1955) e ao caos social gerado pelas desigualdades e pela luta protagonizada por vários movimentos. E o concorrente republicano (que haveria de vencer) era Richard Nixon. Bobby Kennedy, irmão de JFK, não passou das primárias e é a história desta campanha que uma nova série documental da Netflix vai contar.

[o trailer da nova série documental]

“Bobby Kennedy for President” chega ao catálogo da Netflix a 27 de abril. A mini série é composta por quatro episódios de uma hora cada. Dawn Porter é a realizadora e produtora de um documentário que foi estreado no festival de Tribeca, em Nova Iorque. E foi a 16 de março último que Porter e a Netflix anunciaram o acordo de distribuição — 16 de março, precisamente 50 anos depois de ter começado a corrida de Kennedy à Casa Branca.

Interesso-me por filmes que se debruçam sobre a verdade e a justiça e a história de RFK inspira-me pessoalmente, ajudou-me a crescer enquanto realizadora e cidadã”

Foi a frase que Dawn Porter fez questão de transmitir através de um comunicado enviado aos media. “Bobby Kennedy for President” começa no momento da morte do candidato mas volta atrás no tempo, para explicar como a decisão de concorrer à presidência dos EUA (este Kennedy tinha já trabalhado na campanha e no mandato do irmão John e era senador pelo estado de Nova Iorque) surgiu — incluindo um importante momento de perceção da realidade (e desigualdade) social que acontecia sobretudo nos estados do sul do país, com maior destaque no Mississippi.

Para contar esta história, Dawn Porter recorreu a imagens de arquivo — muitas delas anunciadas como inéditas pela Netflix — e a entrevistas com pessoas próximas, confidentes e parceiros políticos.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
História

A vingança de Ungo-Daizenji

José Miguel Pinto dos Santos
321

Como seria o mundo se os operários venezuelanos e camponeses norte-coreanos, utentes da Carris e contribuintes deste país, emulassem Heishirō, o porta-sandálias, e não ficassem parados a queixarem-se?

Aníbal Cavaco Silva

Indispensável /premium

Maria João Avillez

Fica-se a conhecer a singularíssima relação que houve entre dois políticos, não quaisqueres, Cavaco e Passos, e a aliança que teceram e não romperam. A visão é ampla e polifónica, goste-se ou não dela

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)