Tentar tirar a selfie perfeita parece uma tarefa divertida — para alguns. Mas, no caso de envolver pilotar um avião, agarrar numa metralhadora semiautomática ou estar empoleirado numa rocha escorregadia perto de uma cascata, pode tornar-se perigoso. Segundo o estudo mais recente, publicado no Journal of Family Medicine and Primary Care, cerca de 259 pessoas morreram em vários pontos do mundo desde 2011 ao tentarem um ato aparentemente tão básico como tirarem uma fotografia a si próprias.

Investigadores do All India Institute of Medical Sciences, em Nova Deli, fizeram uma recolha das notícias publicadas sobre as mortes que ocorreram quando as pessoas tentavam tirar uma selfie, entre os anos de 2011 e 2017. Foi concluído que estas mortes ocorreram maioritariamente em países como a Índia, Estados Unidos, Rússia e Paquistão, tendo-se verificado que cerca de 72% destes casos eram homens na casa dos 30 anos de idade.

10 sítios onde não vai levar com um “selfie stick”

Constatou-se também que a Índia é país no qual se registou o maior número de casos, tendo sido registados um total de 159 indivíduos mortos acidentalmente ao tentarem tirar uma selfie. Os investigadores referem que tal pode dever-se ao elevado índice populacional da Índia, que regista um enorme número de indivíduos abaixo dos 30 anos de idade, bem como ao facto de que os homens sentem-se mais inclinados a tirar fotografias que envolvam algum risco, comparativamente às mulheres que agem de forma mais astuta.

Dos acidentes derivados de se tirar uma selfie devem reter-se algumas notas importantes: O afogamento é a causa mais vulgar de morte neste tipo de incidentes. As pessoas ao tirarem uma selfie são levadas por ondas ou caem de barcos em andamento, acabando por morrer. As causa que se seguem são a morte por atropelamento, por exemplo pessoas que tentam tirar uma fotografia quando um comboio está a passar, e queda, de lugares altos.

Como forma de resolver este problema, os autores do estudo sugeriram serem criadas as ‘No Selfie Zone’, que tal como indica o nome são zonas, (picos de montanhas, zonas fluviais, no topo de edifícios), nas quais as pessoas estão interditas de tirar selfies evitando que ponham a sua vida em risco. Atualmente, como o problema entrou na agenda  das autoridades indianas, foram já colocadas várias sinalizações de ‘No Selfie Zone’ na cidade de Bombaim, de forma a prevenir eventuais casos futuros.