Três suspeitos de dezenas de furtos a idosos no Grande Porto fugiram esta quinta-feira à tarde a partir da janela do Tribunal de Instrução Criminal do Porto (TIC), depois de o juiz de instrução lhes decretar prisão preventiva, revelou a PSP. A PSP já desencadeou uma operação de captura nas ruas do Porto e está a pedir a ajuda dos cidadãos.

Quem tiver informações sobre os homens deve comunicá-las à Divisão da Investigação Criminal da PSP do Porto pelo telefone 222 046 460 ou pelo email bsp.dic.porto@psp.pt. A PSP também divulgou imagens dos fugitivos.

Os suspeitos — dois irmãos gémeos, de 35 anos, mais um cúmplice de 25, com antecedentes criminais — foram esta tarde presentes ao juiz de instrução, depois de terem sido detidos em flagrante delito durante uma ação desenvolvida na terça-feira pela Divisão de Investigação Criminal da PSP, em Baguim do Monte, concelho de Gondomar, distrito do Porto.

Segundo o Jornal de Notícias, ninguém percebeu como e em que momento os suspeitos conseguiram fugir. Apenas se sabe que se apoderaram das chaves da cela do TIC e fugiram do edifício do tribunal por uma janela do segundo andar.

Os roubos ocorreram na zona mais oriental do Porto e em concelhos periféricos, como Gondomar, Valongo ou Maia. Os alvos do grupo eram pessoas com idades entre 65 e 95 anos.