A felicidade é contagiosa. Ou a felicidade espalha-se. Porque a nossa forma de estar na vida tem o poder de contagiar os outros ao nosso redor. Pequenos gestos de bondade podem causar um grande impacto no mundo. Esta é a corrente de felicidade que todos podemos transportar diariamente connosco. Quando acordar de manhã, pergunte a si própria: quem vai fazer feliz hoje?

Vai ligar à sua mãe só para dizer que tem saudades dela? Vai dizer bom dia ao senhor do autocarro? Vai sorrir à senhora da pastelaria que todos os dias lhe serve um pastel de nata? Vai levar um café para a sua colega do lado? Todos estes pequenos gestos que por vezes parecem insignificantes têm o poder de mudar a vida das pessoas. E elas irão sentir e replicar. Irão mudar a vida de outras pessoas com tantos outros gestos banais como estes. Então porque não partilhar mais vezes felicidade com os outros?

A felicidade não cai do céu mas caiu no Chiado

Levar pequenos gestos de felicidade a estranhos foi a mensagem de Lancôme que, juntamente com algumas influencers portuguesas, andou no Chiado a oferecer kits Lancôme com dois perfumes La Vie Est Belle: um para a pessoa e outro para oferecer e partilhar também a felicidade. Surpreender estranhos na sua rotina com uma caixa Lancôme foi uma forma de mudar o dia de algumas pessoas e de as fazer também partilhar este estado de espírito com alguém da sua vida.

E estes são os pequenos gestos que podem ter impacto na vida das pessoas de quem gostamos e de as lembrar que a felicidade é para viver aqui e agora. Passamos a vida a dizer que vamos ser felizes quando… quando ganharmos aquela promoção, quando arranjarmos aquele emprego, quando casarmos, quando acontecer isto ou aquilo. Vivemos a acreditar no “final feliz” como se não tivéssemos direito de viver o “presente feliz”. Aceitámos como certo o mote de que “no final, tudo acaba bem e, se ainda não está bem, é porque ainda não acabou”. Mas a felicidade não é uma meta que só chega no fim. A felicidade é para ser vivida todos os dias.

Este Natal ofereça felicidade

Se este Natal quer fazer alguém feliz, ofereça-lhe La Vie Est Belle. Ofereça-lhe felicidade num frasco. E um lembrete diário de que, todas as manhãs, devemos borrifar a nossa dose de felicidade e espalhá-la pelo mundo.

Lançado em 2012, o perfume de Lancôme nasceu com o objetivo de mostrar às mulheres que deviam libertar-se das convenções e ser simplesmente felizes. Foi uma mensagem de força e de liberdade que agora nos vem encorajar a partilhar a nossa felicidade e a multiplicar os seus efeitos.

O novo capítulo de La Vie Est Belle deixa a pergunta: quem vai fazer feliz hoje? E esta nova filosofia de vida passa por compartilhar felicidade com os outros. Todos os dias. Porque a felicidade é ainda mais verdadeira quando é compartilhada. La Vie Est Belle representa uma escolha. A escolha de viver a vida e torná-la ainda mais bonita. Para nós e para quem nos rodeia. E o Natal é a altura certa para nos lembrarmos que o mundo vai ser melhor se todos nós fizermos um bocadinho mais por isso.

La Vie Est Belle de Lancôme está à venda nas perfumarias. Edição Glitter limitada e exclusiva Perfumes & Companhia.