Rádio Observador

Lançamentos

Porto Editora publica romance vencedor do Man Booker Prize em 2018

"Milkman", de Anna Burns, vai ser publicado em Portugal em maio. A autora foi a primeira escritora da Irlanda do Norte a receber o prestigiado prémio literário de língua inglesa.

Anna Burns recebeu o Man Booker Prize em outubro do ano passado

Getty Images

O romance vencedor do Man Booker Prize no ano passado, Milkman, vai ser publicado em Portugal pela Porto Editora, anunciou esta quarta-feira o grupo editorial na apresentação das novidades literárias para 2019. Da autoria de Anna Burns, este foi o primeiro livro de uma escritora da Irlanda do Norte a ser galardoado com o prémio literário, o mais importante de língua inglesa.

A história de Milkman, que será editado em língua portuguesa em maio, passa-se durante a época dos troubles, dos conflitos entre as duas Irlandas, e foi baseado nas memórias e experiências da autora, nascida em Belfast. A história é contada da perspetiva de uma adolescente de 18 anos que é perseguida por um homem mais velho, the milkman (“o leiteiro”), que faz parte de uma organização paramilitar.

“Mais do que uma história sobre os conflitos na Irlanda do Norte nos anos setenta do século passado”, o livro é, segundo a Porto Editora, “uma narrativa sobre assédio e sexualidade, mexericos e boatos, sobre o silêncio e não querer ouvir. É, principalmente, uma história sobre a inércia dos homens e as suas tremendas consequências”.

Além de Milkman, a Porto Editora vai também editar Sabrina, a primeira novela gráfica a ser nomeada para o Man Booker Prize, também em 2018. “Consensualmente aclamada com uma das mais empolgante e comoventes narrativas dos últimos anos”, segundo a editora, o livro do cartoonista norte-americano Nick Drnaso conta a história do desaparecimento de uma rapariga, Sabrina, e das teorias da conspiração que surgem depois disso, refletindo sobre o impacto que estas têm em todos os envolvidos.

A obra, que será publicada em Portugal em abril, foi considerada a melhor novela gráfica de 2018 pelo LA Times.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Política

Alguns mitos da democracia portuguesa /premium

André Abrantes Amaral

Alguns mitos desta democracia: que está tudo bem, que os portugueses são racistas e que a direita não existe porque é socialista. Contudo, como sucede com os verdadeiros mitos, estes também são falsos

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)