Durante a primeira fase da apresentação da Tesla Cybertruck, os convidados dividiram-se entre os que criticaram a estética e os que se deram como maravilhados pela tecnologia envolvida na sua concepção, além da impressionante rapidez e do reduzido preço. Mas, na fase seguinte, houve bastante menos polémica.

Como sempre acontece, Elon Musk, o CEO da marca norte-americana, desafiou os presentes a sentir as emoções de acelerar na pick-up mais rápida do mundo, numa pista improvisada nas imediações do Centro de Design do fabricante. Isto depois de ter mostrado, em vídeo, a Cybertruck bater no arranque um Porsche 911 (que anuncia 3,2 segundos de 0-97 km/h, contra 2,9 segundos da pick-up) e ganhar a uma Ford F-150 a gasolina, numa batalha de “puxar”.

Um dos convidados que teve a possibilidade de ocupar um dos seis lugares a bordo da Cybertruck foi o vlogger Shmee150, que registou em vídeo o momento. Além da capacidade de aceleração, Shmee150 permitiu ainda que todos se apercebessem do espaço interior, que parece ser maior do que o habitual, como aliás seria de esperar numa pick-up com 5,89 metros de comprimento e com apenas 2,04 metros de caixa de carga.

O tablier tem uma solução clean que faz lembrar um Model 3, mas em ponto grande, com um grande ecrã horizontal ao centro, com o volante a parecer saído da PlayStation.