Jimmy Carter, antigo presidente dos EUA, voltou a ser internado, desta vez num hospital do estado de Georgia e à conta de uma infeção urinária. A notícia foi dada através da conta de Twitter da fundação “The Carter Center” e explica que Carter foi hospitalizado durante o fim-de-semana mas já “se sente melhor” e “deverá regressar a casa em breve”. O antigo governante tinha recebido alta no passado dia 27 de novembro depois de ter estado a tratar lesões causadas por uma queda aparatosa em casa. Tem 95 anos.

O The Guardian cita Deanna Congileo, uma porta-voz deste “The Carter Center”, para explicar que Jimmy Carter foi tratado no hospital Phoebe Sumter, na cidade de Americus, e deverá emitir um comunicado oficial quando receber alta.

Carter tem enfrentado vários problemas de saúde nos últimos anos. Em 2015 foi diagnosticado com um melanoma que teria passado para outras partes do corpo. Depois de lhe terem retirado parte do fígado, tratado as lesões cerebrais que sofreu, e dos tratamentos de radiação e da imunoterapia, o cancro terá desaparecido.

Uma queda aparatosa fez com que tivesse de substituir uma anca, na Primavera passada, e em outubro, uma nova queda (desta vez em casa) fez com que partisse a cabeça — teve de levar 14 pontos. No mesmo mês, uma outra queda fez com que fraturasse a pélvis e isso obrigou-o a novo internamento (o mais recente), que terminou na passada quarta-feira.