A Câmara Municipal de Coimbra tem pronto o anteprojeto para a construção de um parque infantil na Quinta da Portela, na cidade, no valor de 142.860 euros.

A proposta vai ser votada segunda-feira na reunião do executivo, informou este sábado o município, numa nota enviada à agência Lusa.

O parque vai ser construído num espaço ajardinado confinante com a Alameda Marquesa de Pomares e a Rua Maria Vitória Bourbon Bobone.

Segundo a autarquia, presidida por Manuel Machado, para o local está prevista a instalação de três equipamentos: um baloiço inclusivo, uma torre de atividades com escorrega e elementos de trepar e um elemento com água, “numa referência à proximidade com o rio e procurando proporcionar uma experiência sensorial e exploratória”, refere o município, em comunicado.

A intervenção consiste na modelação do terreno, na criação de percursos pedonais acessíveis, na colocação de pavimentos de segurança, na instalação dos três elementos de recreio, no reforço da vegetação existente e colocação de vedação nas laterais do parque.

“Pretende-se, pois, que o parque infantil valorize o recreio público deste local, promovendo os benefícios de brincar num espaço ao ar livre e seminatural. Para tal, procurou-se desenvolver um projeto que não se centre apenas em equipamento de recreio formal, mas que seja enriquecido pela variedade florística, de forma a potenciar o contato com a natureza e a ampliar as oportunidades de brincar e explorar”, frisa a Câmara Municipal de Coimbra, na nota divulgada.

No âmbito do contrato de delegação de competências, a Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais ficará responsável pelo espaço.