Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Apesar de ter sido lançado em plena época de confinamento, as vendas do iPhone SE em Portugal “estão a correr muito bem”. O dado é avançado ao Observador por Francisco Jerónimo, vice-presidente na empresa de estudos de mercado do setor dos smartphones, a IDC. A razão principal deste sucesso deve-se aos consumidores da marca, que têm “mais confiança em comprar online”. Contudo, de acordo com o analista, o setor dos smartphones, incluindo a Apple, vai continuar a cair “fortemente”.

No final de 2019, a mesma empresa estimava que, neste período, a queda global nas vendas de smartphones ia ser de 10%. Porém, em fevereiro deste ano, a IDC teve de rever o número para 20% já prevendo o impacto da pandemia. “Nunca tínhamos feito uma alteração de previsão [forecast] tão forte”, diz o analista.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.