A autoestrada A25 reabriu ao trânsito na zona de Vilar Formoso, no sentido Vilar Formoso – Guarda, às 14h20 desde sábado, depois de ter estado cortada devido ao despiste de um automóvel que provocou um morto.

“A A25 foi reaberta às 14h20”, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda.

Um homem de 27 anos morreu no despiste de um veículo, ocorrido pelas 10h30 na autoestrada A25 (Aveiro/Vilar Formoso), nas proximidades de Vilar Formoso, no concelho de Almeida, distrito da Guarda, ao quilómetro 193 da A25, no sentido Vilar Formoso – Guarda.

Devido ao acidente, a autoestrada esteve cortada no sentido Vilar Formoso – Guarda, entre as 10h30 e as 14h20, tendo as autoridades desviado o trânsito pela Estrada Nacional 16 entre Vilar Formoso e o nó de Almeida/Sabugal.

Segundo Tiago Santos, coordenador local de emergência da Delegação da Cruz Vermelha de Vilar Formoso, o despiste do automóvel de matrícula francesa, onde apenas viajava a vítima mortal, um homem com 27 anos, de nacionalidade portuguesa, aconteceu numa curva da A25, a cerca de dois quilómetros de distância da fronteira de Vilar Formoso.

O responsável disse à agência Lusa que, quando os meios de socorro da Cruz Vermelha chegaram ao local, encontraram “o carro capotado fora da estrada e a vítima fora da viatura”.

O óbito foi confirmado no local pelo médico do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM). O acidente está a ser investigado pelo Núcleo de Investigação de Crimes em Acidentes de Viação (NICAV) da GNR.

No local do sinistro, para além de um helicóptero do INEM (que não efetuou o transporte da vítima porque o óbito foi confirmado no local pelas 11h40), estiveram 22 elementos e oito viaturas da Delegação da Cruz Vermelha de Vilar Formoso, dos Bombeiros Voluntários de Almeida, da VMER da Guarda, da GNR e da empresa concessionária da A25, segundo o CDOS.