O incêndio florestal que deflagrou esta terça-feira à tarde no concelho de Avis, distrito de Portalegre, foi dado como dominado às 19h24, quase cinco horas depois do alerta, disse à agência Lusa fonte da Proteção Civil.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Portalegre, o alerta foi dado às 14h41 com o fogo a começar na zona de Montes Juntos, na freguesia de Aldeia Velha, localizada entre as barragens do Maranhão e Montargil.

O incêndio atingiu uma “mancha florestal grande” integrada na Rede Natura 2000 e obrigou ao corte do trânsito em duas estradas, por precaução, adiantou à Lusa o presidente do município de Avis.

Nuno Silva explicou que o fogo lavrou numa zona florestal de sobreiros, pinheiros e eucaliptos, além de montado, atingindo a área protegida ao abrigo da Rede Natura 2000.

Como medida de precaução, foram cortadas ao trânsito as estradas entre as vilas de Avis e de Galveias e entre Galveias e Aldeia Velha, indicou o autarca.

Segundo o CDOS, o combate às chamas mobilizou um total de 260 operacionais, com o apoio de 49 veículos e 10 meios aéreos, três helicópteros e sete aviões.

“Não há registo de habitações em perigo, nem de danos pessoais”, acrescentou o CDOS.