João Noronha Lopes, candidato à presidência do Benfica que fez a apresentação oficial na passada quinta-feira, continua a divulgar apoios para o sufrágio do próximo mês de outubro e, esta quarta-feira, anunciou quatro nomes de relevo na história dos encarnados: António Simões, Ângelo, Cruz e Mário João, todos eles membros da equipa que se sagrou bicampeã europeia no início da década de 60 (1961 e 1962) frente a Barcelona e Real Madrid.

“Chegámos ao fim de um ciclo, de um modelo de liderança. O que prometo? Ambição, credibilidade e transparência”, diz Noronha Lopes

António Simões, de 76 anos, avançado que acabou a formação nas águias e que jogou nos seniores em 1961 e 1974, é ainda hoje o mais jovem de sempre a conquistar a principal prova europeia de clubes, juntando a esses dois títulos europeus dez Campeonatos e cinco Taças de Portugal, além de ter feito parte dos Magriços que terminaram o Mundial de 1966 no terceiro lugar. Também Fernando Cruz, de 79 anos, que esteve nesse Campeonato do Mundo realizado em Inglaterra, jogou nos seniores dos encarnados em 1959 e 1970, tendo ganho oito Campeonatos e três Taças de Portugal, além das duas Taças dos Campeões Europeus entre cinco finais disputadas.

Ângelo Martins, o mais velho do grupo com 90 anos, chegou ao plantel principal do Benfica em 1952 depois de ter passado pelas reservas e ganhou sete Campeonatos e seis Taças de Portugal além dos dois títulos europeus até 1965, tendo sido depois treinador da formação dos encarnados da geração que marcaria a década de 70 e 80, casos de Humberto Coelho, Chalana, Nené, João Alves, Jordão ou Vítor Martins, entre outros. Por fim, Mário João, de 85 anos, passou pelo Benfica entre 1957 e 1962 e ganhou também dois Campeonatos e duas Taças de Portugal, antes de regressar à CUF, de onde tinha saído para o Benfica. Ao todo, o quarteto realizou 1.167 jogos com a camisola dos encarnados e conquistou um total de 52 títulos entre Taça dos Campeões, Campeonatos e Taça de Portugal.

Benfica. Candidatura de Noronha Lopes tem apoio de Ricardo Araújo Pereira (e não só)

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

De recordar que, no passado sábado, a lista de Noronha Lopes tinha apresentado uma série de apoios públicos de vários quadrantes, como Ricardo Araújo Pereira, Pedro Ribeiro, Pedro Norton, António Borges Assunção, Raquel Vaz Pinto, José Theotónio, Jacinto Lucas Pires, António Pedro Vasconcelos, Vasco Mendonça, Pedro Adão e Silva e Tiago Almeida, além dos antigos dirigentes como Tinoco de Faria, João Carvalho e Seara Cardoso.

Apoiantes de Noronha Lopes retirados de zona perto da Luz, Benfica explica medida com protocolo de segurança