Dark Mode 198kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Boletim DGS. Portugal com maior número de casos de Covid-19 desde 26 de novembro

Este sábado, foram confirmados 6.087 infeções pelo novo coronavírus em Portugal. O número é o mais elevado desde 26 de novembro. Região Norte permanece a mais afetada. Óbitos desceram.

i

A região Norte voltou a registar o maior número de casos e de mortes no país

SOPA Images/LightRocket via Gett

A região Norte voltou a registar o maior número de casos e de mortes no país

SOPA Images/LightRocket via Gett

Depois da descida registada a partir de 27 de novembro, os casos de Covid-19 em Portugal voltaram a subir. Este sábado, foram anunciados 6.087 infeções pelo novo coronavírus. O número é o mais alto desde 26 de novembro, a última vez que foram registados mais de seis mil casos (6.383). Trata-se, portanto, de uma subida significativa em relação a esta sexta-feira (23,3%), quando o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a situação epidemiológica no país deu conta de novos 4.935 casos.

O Norte permanece a região mais afetada pela Covid-19, com três mil dos mais de seis mil casos confirmados (49,2% do total). Apesar disso, de acordo com os dados do relatório da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-Norte), consultado pela Agência Lusa, houve uma diminuição de casos em todos os distritos abrangidos pela ARS-Norte entre as semanas de 19 a 25 de novembro e de 26 de novembro a 2 de dezembro. A maior descida foi no distrito de Bragança (menos 45%), onde fica o concelho com maior número de casos por 100 mil habitantes (Freixo de Espada a Cinta).

Lisboa e Vale do Tejo surge em segundo lugar no boletim da DGS, com 1.980 dos novos casos (33% do total). O Centro tem mais 866 infeções pelo novo coronavírus e Alentejo e Algarve registaram 106 e 88 casos, respetivamente. Nos Açores, há mais 27 casos e, na Madeira, 20.

Número de mortes desce em relação a sexta-feira. Norte com 60% dos óbitos

Este sábado, foram também confirmadas 73 mortes devido ao novo coronavírus. O número é inferior ao desta sexta-feira, quando foram anunciados 79 óbitos, o mesmo valor de quinta-feira. Até ao momento, morreram 4.876 pessoas em Portugal devido à pandemia.

O Norte foi a região onde se registou a maioria dos óbitos (60%), com 43 dos 73 indicados pela DGS. Em Lisboa, morreram 20 doentes com Covid-19 nas últimas 24 horas. O Centro teve oito mortes e Alentejo e Algarve uma. Nas ilhas não houve novos óbitos a registar.

Internamentos descem pelo terceiro dia consecutivo. Número de casos ativos também caiu

O número de pessoas internadas desceu pelo terceiro dia consecutivo. Depois de nesta sexta-feira terem tido alta 35 doentes, este sábado foram anunciados menos 66 internamentos em enfermaria. Ao todo, existem 3.229 doentes com Covid-19 internados.Este é o valor mais baixo desde 29 de novembro, quando havia 3.245 internados.

As boas notícias também abrangem as unidades de cuidados intensivos (UCI): este sábado, há menos nove pessoas nestas unidades. Ao todos, são agora 517 os doentes com Covid-19 em UCI. O número de casos ativos também desceu (são menos 151, num total de 73.561), assim como os casos em vigilância (menos 446, num total de 77.197).

Ainda segundo o boletim da DGS, nas últimas 24 horas, foram dados como recuperados 6.165 doentes. Desde o início da pandemia, já recuperaram da Covid-19 240.203 pessoas.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.