A vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e a AstraZeneca vai ser testada em crianças a partir dos seis anos num novo ensaio clínico, que vai começar este mês.

Segundo o The Guardian, o ensaio vai incluir 300 pessoas entre os seis e os 17 anos, para concluir se a vacina produz uma resposta imunitária forte. O processo vai ter início este mês, sendo que 240 crianças vão receber a vacina contra a Covid-19 e as restantes uma vacina de controlo da meningite.

Vacina da AstraZeneca apenas para pessoas com menos de 65 anos. 8 respostas para perceber o que está em causa

Andrew Pollard, responsável pelo ensaio clínico, disse ao The Guardian que, “embora a maioria das crianças não seja relativamente afetada pelo coronavírus e que seja improvável que adoeça com a infeção”, é necessário perceber “a segurança e a resposta imunitária à vacina em crianças e jovens, já que algumas crianças podem beneficiar da vacinação”. Este ensaio clínico permitirá “ampliar a nossa compreensão do controlo do SARS-CoV-2 para grupos de idades mais jovens”, afirmou ao jornal.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Portugal recebeu na semana passada as primeiras vacinas da Oxford/AstraZeneca. A principal restrição é que não seja administrada a quem tem mais de 65 anos, exceto se “só estiver disponível” esta vacina, lê-se na norma divulga pela Direção-Geral da Saúde (DGS).