Elon Musk anunciou em maio que ia vender todas as suas casas: o objetivo do terceiro homem mais rico do mundo é não possuir quase nenhum bem físico. Mas o magnata norte-americano ainda tem uma mansão em seu nome, em São Francisco, que está neste momento à venda por 31 milhões de dólares (cerca de 26 milhões de euros).

O bilionário nunca viveu nesta mansão, que apenas foi utilizada para eventos. Tem 1540 metros quadrados e três pisos, no qual se distribuem nove quartos, nove casas de banho, uma biblioteca, um escritório e uma sala de reuniões, para além de um ginásio e de uma sauna. O estilo da casa é tipicamente vitoriano, com um mobiliário clássico em que são visíveis detalhes rococó, numa mistura com vários tecidos e cores. No espaço exterior, a mansão ocupa 20 hectares — o que corresponde a 20 campos de futebol. Tem ainda uma enorme piscina e um jardim com fontes e arbustos.

Elon Musk está empenhado em vender esta casa e deseja que nela viva uma grande família. Será o próprio magnata que vai escolher o proprietário da mansão, que foi comprada em 2017 por 23 milhões de dólares (cerca de 19 milhões de euros).

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Apesar de ser o terceiro homem mais rico, o diretor executivo da Tesla — que tem uma fortuna avaliada em 156,9 mil milhões de dólares (130,9 mil milhões de euros) — mora agora numa pequena casa pré-fabricada no Texas, que custou 50 mil dólares (cerca de 42 mil euros).

Elon Musk, o 3º homem mais rico do mundo vive nesta “casita”