A comissão executiva da CGTP decidiu esta quarta-feira propor ao seu Conselho Nacional a realização de uma manifestação nacional a realizar em Lisboa, em 20 de novembro, pelo aumento geral dos salários e em defesa da contratação coletiva.

“A Comissão Executiva decidiu reunir o Conselho Nacional da CGTP-IN no dia 26 de outubro de 2021 e apresentar a proposta de convocar uma manifestação nacional, a realizar em Lisboa, no sábado dia 20 de novembro“, pode ler-se num comunicado.

A CGTP entende que “o momento exige a adoção de uma política que valorize o trabalho e os trabalhadores, nomeadamente, com o aumento geral dos salários em 90 euros para todos os trabalhadores, a valorização das carreiras e profissões, a fixação de 850 euros para o salário mínimo nacional a curto prazo”, entre outras reivindicações.

Depois da Frente Comum, FESAP também anuncia pré-aviso de greve para 12 de novembro

A manifestação nacional, a realizar-se, acontece cerca de uma semana depois da greve nacional da função pública, marcada para 12 de novembro, pela Frente Comum.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Está ainda agendada uma greve nacional de professores para dia 05 de novembro, anunciada esta quarta-feira pela Federação Nacional dos Professores (Fenprof) e a Federação Nacional da Educação (FNE).