1. Antes de ser um restaurante era um bar

No número 99 da Rua da Rosa, no centro do Bairro Alto, em Lisboa, costumava funcionar um bar. Hoje, esse espaço de 77 metros quadrados deu lugar ao Fiamma D’Oro, o novíssimo restaurante italiano da cidade. Foi inaugurado a 17 de outubro pela mão do casal responsável, Sandra Godinho e Rúben Marques. Da pista de dança ficou apenas o chão como recordação e os diversos cocktails — com ou sem álcool — que também acompanham a carta em conjunto com os tradicionais pratos italianos. Mas porquê o Bairro Alto? “É um sítio em plena capital que está outra vez na moda e está a ganhar uma nova vida à luz do dia”, diz Sandra. 

fiamma d'oro, restaurante italiano, silvia silva, fabio pinto, comida, pizza,

O sumo natural de goiaba (2,5€), apesar de ser sem álcool, é uma das especialidades da casa. © Fábio Pinto/Observador

2. Mas não é só um restaurante italiano

“Não queríamos ser mais um restaurante italiano e, por isso, optámos por juntar comida de fusão à nossa ementa.” Com esse objetivo, convidaram o chef brasileiro Giovanni Ferreira para tomar conta da cozinha envidraçada que está à vista de todos. Com 24 anos mas experiência em hotéis reconhecidos como o Pestana Palace, é ele que está encarregue de dar o seu próprio toque à receita e confeção dos pratos made in italy. Falamos de pastas, pizzas mas também de saladas e carne. Ou não fosse a Bistecca Parmagiano (16€) a estrela da casa. “É um bife maturado panado com molho de tomate caseiro e queijo gratinado. É uma adaptação minha que é acompanhada por batatas”, explica o chef.

fiamma d'oro, restaurante italiano, silvia silva, fabio pinto, comida, pizza,

No currículo de Giovanni Ferreira, 24 anos, estão cozinhas de hotéis reconhecidos como o Pestana Palace e o Ritz Four Seasons. © Fábio Pinto/Observador

3. O segredo está na massa

“A nossa massa da pizza é muito fina e estaladiça”, afirma o responsável Rúben Marques. A receita está no segredo dos deuses — só o chef Giovanni é que a sabe, ou não fosse ele o responsável por amassá-la todos os dias antes de lhe juntar os ingredientes frescos do dia. Há dois tamanhos, de 30 ou 40 centímetros, e o chef não nega que a pizza parma (13€/18€) é a sua favorita. Existem mais de 11 opções para agradar aos mais críticos. E aos mais gulosos também: mousse de after eight, tiramisú, panacotta e pizza de nutella e coulis de morangos são as opções que fazem parte da carta de sobremesas. 

fiamma d'oro, restaurante italiano, silvia silva, fabio pinto, comida, pizza,

A pizza parma está disponível em dois tamanhos e é composta por molho de tomate, queijo mozzarella, presunto, rúcula, azeitonas e orégãos. © Fábio Pinto/Observador

4. O espaço lembra uma esplanada

“Com a decoração do espaço pretendíamos representar o ambiente de uma esplanada. Daí a imagem panorâmica de Lisboa à noite que ocupa uma das paredes laterais do restaurante”, explica Sandra Godinho. Por isso, não estranhe a relva artificial que preenche a parede oposta ou ainda as luzes que decoram o teto do restaurante com capacidade para 44 pessoas. Já os pequenos detalhes em dourado são uma referência ao nome do espaço. “Fiamma é uma marca muito conhecida de fornos de pizzas e achamos que uma espécie de forno de ouro, mas em italiano, era o nome ideal para um restaurante italiano.” E Fiamma D’Oro ficou. 

fiamma d'oro, restaurante italiano, silvia silva, fabio pinto, comida, pizza,

Através da cozinha envidraçada é possível ver na sala as pizzas quentes a sair do forno. © Fábio Pinto/Observador

5. Seguem-se as entregas ao domicílio

Se da próxima vez estiver a passear pela zona do Chiado, Bica, Bairro Alto ou Príncipe Real e encontrar uma scooter com o logótipo da marca é normal: o Fiamma D’Oro vai passar a fazer entregas ao domicílio nestas zonas. Para isso, a equipa até criou mais um tamanho especial para entregas (50 centímetros) pensado para as grandes famílias ou para os mais esfomeados. Para encomendar, basta ligar e esperar que estas delícias italianas cheguem quentes e acabadas de sair do forno.

Nome: Fiamma d’Oro
Morada: Rua da Rosa, 99 (Bairro Alto), Lisboa
Telefone: 91 474 8185; fiammadoro.reservas@gmail.com
Horário: Todos os dias das 12h00 às 15h00 e das 19h00 às 00h00
Preço Médio: 18€
Reservas: Aceitam

Texto editado por Ana Dias Ferreira.